fbpx

Portal SB24Horas

Conteúdo é aqui!

Prevenção ao coronavírus: Prefeitura de Sumaré suspende realização das ‘Tendas da Saúde’

Visando prevenir a transmissão do coronavírus, a Prefeitura de Sumaré decidiu suspender a realização das “Tendas da Saúde” nas feiras livres da cidade, assim como os demais eventos públicos, atendendo às determinações dos Decretos nº 10.763 e 10.764. No domingo, a “tenda” com orientações sobre a Saúde da Mulher já não foi realizada no Jardim Calegari, na região da Área Cura. A ação faz parte da programação da XII Semana da Mulher, promovida pela Prefeitura, por meio do Fundo Social de Solidariedade.

Entre os serviços temporariamente suspensos, estão as aulas da rede municipal de ensino, de maneira gradual, as atividades esportivas e culturais da Secretaria de Cultura, Esportes e Lazer, as ações que envolvem a Melhor Idade, tanto nos grupos descentralizados quanto as que ocorrem no CCTI (Centro de Convivência da Terceira Idade), CRAS (Centro de Referência em Assistência Social), além de eventos de grande aglomeração.

Boletins diários estão sendo atualizados e disponibilizados no portal da Prefeitura (www.sumare.sp.gov.br), além disso, um software foi criado para que as equipes da Administração acompanhem em tempo real a atualização de informações. O decreto também criou o Comitê de Prevenção e Enfrentamento, com o objetivo de estabelecer e divulgar ações de prevenção a transmissão do vírus, composto por representantes das secretarias municipais e Câmara Municipal.

“Sumaré trabalha para atender com qualidade qualquer paciente que apresente sintomas ou que necessite de auxílio. Porém, pedimos a colaboração da população, pois já temos casos confirmados nas cidades vizinhas. Desde o momento em que o coronavírus passou a ser considerado uma pandemia, organizações mundiais têm ressaltado que cada pessoa passa a ser responsável por frear as transmissões, desacelerando a disseminação. Este momento é de união e colaboração, somos um canal  de informação na cidade, assumimos o compromisso de manter os munícipes informados”, explicou o prefeito Luiz Dalben.

Enfrentamento ao coronavírus

Visando tranquilizar a população e prestar o auxílio necessário aos moradores, Sumaré trabalha desde janeiro para o enfrentamento do coronavírus. O vírus, conhecido cientificamente como Codiv-19, tem afetado diversos países, inclusive o Brasil, chegando à RMC (Região Metropolitana de Campinas).

Sumaré não registra casos positivos da doença. Porém, no início do ano, antes mesmo do primeiro caso no país ser confirmado (no dia 26 de fevereiro), a Prefeitura já se planejava e estudava um plano de contingência para o enfrentamento da doença e sua prevenção, aprovado no dia 4 de fevereiro, quando foram decididos protocolos, entre eles, o treinamento das equipes da Secretaria de Saúde e divulgação dos meios de prevenção à população.

“Gostaríamos de tranquilizar a população e garantir que estamos seguindo todas as orientações dos órgãos de saúdes responsáveis, sempre trabalhando e nos antecipando à doença. Após nosso plano de ações, dia 14 de fevereiro iniciamos o treinamento dos colaboradores, para um atendimento adequado à população”, explicou o secretário de Saúde, Rafael Virginelli.

Todas as unidades de Sumaré destinam vagas diárias para atender os casos suspeitos, bem como os colaboradores capacitados para receber os pacientes. Ao procurar a UBS, são avaliados se os sintomas indicam alguma probabilidade de infecção por coronavírus, além de tomadas as providências para notificação e coleta de material para exame laboratorial.

Caso algum paciente apresente sintomas como febre, tosse e dificuldade para respirar e tenha histórico de viagem para locais com transmissão local ou ter tido contato próximo com pessoa com caso suspeito, a orientação é para que procure a UBS (Unidade Básica de Saúde) mais próxima de sua residência.

Dicas para evitar a propagação da doença: 

  • Evitar contato próximo com pessoas doentes e que tenham infecção respiratória aguda
  • Lavar as mãos frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos. Se não houver água e sabão, usar um antisséptico para as mãos à base de álcool em gel, principalmente, após contato direto com pessoas doentes e antes de se alimentar
  • Usar lenços descartáveis para higiene nasal (nada de lencinhos de pano!)
  • Cobrir nariz e boca sempre que for espirrar ou tossir com um lenço de papel e descartar no lixo
  • Higienizar as mãos sempre depois que tossir ou espirrar
  • Evitar tocar em olhos, nariz e boca com as mãos não higienizadas
  • Manter ambientes muito bem ventilados
  • Não compartilhar objetos de uso pessoal como copos, garrafas e talheres
  • Limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com frequência
  • Evitar contato com animais selvagens ou doentes
Comentários