Guarda de Nova Odessa dá dicas para não cair no golpe do falso sequestro

Crime que, infelizmente, tem feito um número um número cada vez maior de vítimas, o falso sequestro traz muito medo e dor de cabeça para as vítimas. Para evitar que isso aconteça, além do patrulhamento preventivo, a Guarda Civil Municipal de Nova Odessa também tem uma série de dicas para evitar a ação dos bandidos. Se você receber uma ligação suspeita, é preciso saber agir em trotes do falso sequestro. A primeira dica é: mantenha sempre a calma e não confirme dados, nem fale o nome de seus familiares. Logo em seguida, desligue o telefone e procure a pessoa suspostamente sequestrada.

É sempre muito importante avisar as autoridades de segurança, caso você descubra qualquer dado de quem ligou. Outra constatação importante: nenhum sequestro real demanda tanto tempo em uma ligação. Por fim, nunca prolongue chamadas com desconhecidos e não forneça dados pessoais para cadastro.

CASO. Na última quarta-feira, os patrulheiros Piconi e Prezzi, da Guarda de Nova Odessa, receberam denúncia sobre um suposto sequestro na área central da cidade. Os guardas localizaram um casal de idosos na fila de uma lotérica prontos para depositar R$ 3 mil na conta bancária de um desconhecido. O suposto sequestrador fez contato com o casal através de ligação telefônica e dizia estar com a filha dos idosos.

Segundo os guardas, a senhora estava muito nervosa e chorava, temendo que algo estivesse acontecendo com sua filha. Os patrulheiros, então, acalmaram a vítima e, após pegarem o celular, constataram que se tratava do popular “falso sequestro”. Foi então impedido o depósito aos marginais e feito contato com a filha da vítima, que estava trabalhando em Americana. A senhora, após se tranquilizar ao falar com a filha, agradeceu a equipe, sendo devidamente orientada a apresentar os fatos na delegacia local.

Comentários

Notícias relacionadas