SB24Horas

Notícia na hora certa!

‘ Especialista lista 7 mitos sobre a figura do contador nas empresas

Cláudio Lasso, contador e CEO da Sapri Consultoria, também falou sobre as mudanças no mundo contábil

É inegável a importância da contabilidade de uma empresa, tanto na abertura quanto para manter a saúde financeira do empreendimento. E não são as empresas físicas que necessitam de um contador, isso independe do meio em que o empreendedor atua. Então, até quem atua só por e-commerce precisa de um profissional da área.

Claudio Lasso, CEO da SAPRI Consultoria e contador, conta sobre as mudanças que ocorreram no mundo contábil.

“Muita coisa mudou na Contabilidade desde a era do “guarda-livros”. Antes o contador era considerado como o responsável apenas como o responsável por lidar com as questões burocráticas contábeis. Hoje ele é um grande parceiro na administração da empresa, um “braço direito”’, explica.

O profissional também listou 7 mitos sobre o contador.

1- O contador é muito rígido e tradicional
Os contadores trabalham com seriedade, o que é diferente de ser fechado e rígido para o contato amistoso. Novas tecnologias, nada tradicionais, ajudam o contador a atender o cliente adequando-se à sua realidade, seja presencialmente ou à distância.

2- Contabilidade é só matemática
Matemática é a base da contabilidade, mas não é tudo. A profissão vai além da análise e gestão de custos, demonstrações financeiras entre outros instrumentos matemáticos. A rotina do contador abrange também relações humanas nas organizações, ética e planejamento estratégico.

3- O contador só faz recolhimento de impostos
O contador vai muito além dos impostos. Ele analisa os números da empresa, dando vida a eles, propondo soluções e fazendo com que sejam a base para decisões estratégicas e eficientes por parte da MPE.

4- O contador é um mal necessário
Contador estratégico é peça-chave para a longevidade da MPE. Empresas devem aproveitar o amplo conhecimento e a experiência do empresário contábil, vendo-o como um consultor que pode agregar muito valor aos negócios da MPE, com soluções modernas e visão de longo prazo.

5- O contador está cercado por papéis
A tecnologia chegou e o “guarda-livros” ficou no passado. Com muitas obrigações migrando para o digital (como o SPED) e soluções de integração contábil, por exemplo, o contador tem a tecnologia como grande aliada para ampliar sua produtividade.

6- A contabilidade é um mercado tipicamente masculino
Cada vez mais mulheres ingressam no mercado contábil, a participação feminina só aumenta na área contábil brasileira. Desde 1950, a representatividade feminina multiplicou-se, sendo a mulher presença marcante nos escritórios contábeis – quando não são a maioria. A realidade mudou para as contabilistas.

7- A tecnologia já dispensa os contadores
Tecnologia não substitui a capacidade de análise e recomendações. A tecnologia ajuda a realizar com mais agilidade as tarefas repetitivas, o que é ótimo para liberar o tempo do contador para apoiar o empreendedorismo, ajudando novos empresários com orientações de um consultor especializado.