Portal SB24Horas

Conteúdo é aqui!

Empreendedora cria projeto social voltado para empregabilidade

Já são mais de 40 mil pessoas em grupos que conecta profissionais e empregadores

 

A ideia de criar o projeto partiu de Karla Clarinda, que após atuar no setor de finanças por 15 anos na indústria, resolveu seguir como empreendedora social e impactar de uma forma positiva a vida das pessoas com o seu talento, a conexão.

 

Em 2015 decidiu criar o PlugaJobs, o seu projeto social voltado para empregabilidade, onde administra mais de 160 grupos de conversas que ajudam a divulgar vagas em áreas diferentes, como Tecnologia, Engenharia, Financeiro, Educação, Saúde, Logística, PCD, Estagiários, entre outras. “As pessoas começaram a agradecer por estarem participando dos grupos e elas conseguiram se recolocar. Tudo isso vem sendo muito recompensador para a minha carreira profissional e pessoal”, conta Karla Clarinda.

 

E além de ajudar quem precisa, a Karla aproveitou toda essa experiência com os grupos nas redes sociais para transformar isso em profissão. Ela tem agora a própria empresa especializada em consultoria para quem quer se recolocar no mercado, mas o trabalho social com os grupos continua de forma voluntária.

 

Ser voluntário é uma das diretrizes da Karla para todas as áreas profissionais. Estudantes ou até mesmo profissionais que buscam uma qualificação e que estão em fase de término, ou que estão em busca de utilizar na prática tudo que aprenderam, deveriam ir na busca de trabalho voluntário. Isso porque durante esse serviço você irá aprimorar aquilo que aprendeu na teoria e expandir sua rede de contatos.

 

“Qualquer experiência, seja ela pessoal ou profissional, é capaz de provocar transformações — e um trabalho voluntário não está fora disso. Desse modo, tenha em mente que essa vivência o ajudará a aperfeiçoar seus conhecimentos e até propiciar questionamentos sobre o que você espera para sua carreira”, finaliza a empreendedora social.

 

Sobre Karla Clarinda

Graduada em Administração de Empresas pela Univap – Universidade do Vale do Paraíba, Ciências Contábeis pela Faculdade Anhanguera de Jacareí, Karla Clarinda resolveu seguir como empreendedora social e estrategista em recolocação profissional após atuar por 15 anos na indústria, e o principal objetivo é impactar outras vidas com o seu talento, bem como a sociedade.

 

Karla conta que vem de uma família muito pobre e carente, e que desde criança aprendeu que não existe sorte, mas sim fé e muito trabalho duro. Porém, por muitas vezes a falta de oportunidades ou até mesmo pessoas para ajudar faz muita diferença, entre quem é bem sucedido e quem não é. “O sonho de empreender nasceu da necessidade de servir a comunidade, o pilar para sustentar este propósito foi a gratidão de causar o impacto positivo na vida do outro. Tudo isso tem um único significado que é a nossa missão em aliviar o fardo do próximo e permitir que ele alcance seu sucesso e felicidade”, afirma Karla.

 

Inspirada pelo seu avô, que sempre ensinou que ajudar o próximo faz bem e com a vivência em uma grande ONG que despertou ainda mais essa atitude, Karla criou em 2015 o PlugaJobs, um projeto social que viabiliza a conexão entre profissionais que buscam novas oportunidades a empresas que estão contratando talentos, e que já conta com mais de 160 grupos em 15 áreas diferentes e mais de 30 mil integrantes. “Acredito que as pessoas também se conectam com a minha história, onde meu foco nunca foi só ganhar dinheiro, mas sim ajudar as pessoas. Acabo tendo um networking amplo e isso faz com que as pessoas também acreditem no meu potencial”, conclui Karla Clarinda.

 

Além disso, fundou em 2019 a Recolokey, uma agência de consultoria especializada em recolocação profissional, desenvolvimento humano, planejamento e gestão de carreira. Focada em ajudar pessoas insatisfeitas com seu trabalho, como empresas que desejam contratar perfis de forma gratuita e até mesmo fazer desligamento humanizado.

 

Instagram: @karla.clarinda