Portal SB24Horas

Conteúdo é aqui!

Conheça o indicador logístico OTD e suas vantagens

Já não é possível ignorar o papel do e-commerce na realidade de qualquer empresa atual, seja de produtos ou serviços. Ao mesmo tempo, é preciso buscar a excelência, e nisso indicadores como o OTD podem ajudar e não é pouco.

De fato, essa abreviação remete a On-Time Delivery, nada menos que um termo em inglês para Entrega Dentro do Prazo. Pode parecer um detalhe para quem olha de fora, mas quem está na operação logística sabe que não é nada fácil seguir isso à risca.

Além do que, nem de longe esse “detalhe” pode se tornar um problema, ou os clientes revelarão sua insatisfação. Imagine um negócio de caixas de papelão para transporte de mercadorias, por exemplo.

Seus compradores precisam receber suas remessas, pois dependem disso para seguir com a própria rotina comercial. Ao mesmo tempo, usuários finais e compradores, como pessoa física, também têm expectativas que precisam ser atendidas.

Assim, em tempos tão concorridos e competitivos como os atuais, a empresa que não souber se colocar em dia com o básico de um serviço bem prestado, como um indicador de On-Time Delivery positivo, certamente vai acabar ficando para trás.

Por isso decidimos escrever este artigo, trazendo aqui o conceito do OTD, bem como conselhos e dicas práticas que ajudam a entender quais são suas vantagens e como atingi-las em seu próprio negócio, de modo a não ficar apenas na teoria.

OTD: o que é um KPI?

Ao falar em On-Time Delivery estamos remetendo a um conceito ou metodologia que é fundamental na rotina das maiores empresas do mundo, que é o KPI.

Sigla para Key Performance Indicator, os Indicadores-Chave de Desempenho são fundamentais para estabelecer objetivos claros e as devidas métricas e fórmulas de análise que permitem garantir que tudo se cumpra de modo linear e positivo.

Assim, um KPI pode ser aplicado ao marketing, aos Recursos Humanos, ao financeiro e a todos os setores empresariais, seja para fazer a gestão de transporte de transformadores ou de uma loja de roupas da moda.

Quando falamos sobre OTD, o Indicador-Chave vai lidar com os seguintes pilares:

  • Produção;
  • Almoxarifado;
  • Logística;
  • Separação;
  • Despacho.

Lembrando que o despacho também pode ser uma coleta in loco, por parte da transportadora. Ou seja, toda a expedição estará envolvida nas metas e métricas de um bom OTD.

Implementação da fórmula

Embora haja KPIs bastante complexos, o do OTD é simples de ser aplicado, sendo que seu resultado apresenta um percentual muito claro de compreender.

Basta você apurar o número de entregas realizadas dentro do prazo, depois você divide pelo número total de entregas daquele período, tanto as que ocorreram no prazo quanto as atrasadas e todas as demais.

Por exemplo, se uma empresa de reforma e construção fez 100% das entregas dentro do prazo, naturalmente o resultado final será de 100%, pois não há divisão para operar.

Contudo, essa não costuma ser a realidade da maioria das empresas, infelizmente. Então, se de 50 entregas apenas 30 ocorreram no prazo, temos 50 dividido por 30 (1,66), que deve ser centuplicado, para resultar no percentual.

Neste caso, um total de 60% de entregas no prazo, o que pode ser considerado baixo ou médio, mas já representa um alerta. O ideal é buscar um número que não fique abaixo de 90%, sendo que fixar uma meta de 100% pode ser o caminho para a excelência.

Como melhorar o índice?

As melhorias do OTD passam por várias modificações que podem ser mais pontuais ou mais abrangentes, a depender da situação em que a empresa se encontra.

Hoje em dia uma grande dica de ouro é investir em tecnologia e treinamento da parte humana. Softwares como o famoso ERP (Enterprise Resource Planning), que faz o Sistema integrado de gestão empresarial, são fundamentais.

Com eles, uma fabrica de portas aluminio SP consegue amarrar todas as pontas desde o término da produção de um item, a entrada no estoque de venda, a rotina da logística para controle e, enfim, a expedição de preparo e despacho/coleta.

Por outro lado, o material humano é fundamental, pois a demanda sempre vai afunilar nele, dependendo de bons colaboradores e bons parceiros.

Considerações finais

Vimos que o On-Time Delivery é uma taxa, índice ou indicador logístico de extrema importância para empresas que queiram manter sua operação em ordem.

Além disso, é preciso dominá-lo para que os clientes estejam sempre satisfeitos, fechando assim um círculo virtuoso das vantagens dessa ferramenta. Com os conceitos e conselhos trazidos aqui, vai ficar ainda mais fácil atingir tudo isso.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.