ter. jan 28th, 2020

Portal SB24Horas

Conteúdo é aqui!

Ação contra a dengue com apoio do Exército Brasileiro


Mais de 20 mil pessoas receberam orientações sobre o mosquito transmissor na Zona Leste

 

A Prefeitura de Santa Bárbara d’Oeste, com auxílio do Exército Brasileiro, promoveu no último sábado (13) uma ação de combate ao mosquito transmissor da dengue, zika vírus e chikungunya. Participaram 393 militares do 28º Batalhão de Infantaria Leve de Campinas, com apoio de agentes de endemias e técnicos do CCZ (Centro de Controle de Zoonoses), que percorreram os bairros Jardim Pérola, Jardim Esmeralda, São Fernando, Cidade Nova e Planalto do Sol, realizando atividades de conscientização com panfletagem e informações casa a casa.

 

Aproximadamente 14 mil imóveis receberam as visitas de orientação. Além dos bairros, a ação também foi estendida ao Tivoli Shopping. Seguindo o diretor de políticas públicas de saúde, Alexandre Visockas, a ação atingiu mais de 20 mil pessoas. “Neste sábado contamos com grande ajuda do Exército Brasileiro para uma ação de conscientização e informação a população dos bairros da Zona Leste. A ação foi muito positiva, pois atingiu mais de 20 mil pessoas em aproximadamente quatro horas de atividades”, destacou.

 

A ação prossegue durante toda a semana (do dia 15 a 19), nos mesmos bairros, agora com a retirada de criadouros. Nesta segunda (15) as atividades foram realizadas no período da manhã e nos dias 16 a 19, ocorrerá das 13 às 17 horas. “Hoje iniciamos a segunda etapa da ação, com a retirada de criadouros, medida mais efetiva para o controle do mosquito Aedes Aegypti. Serão 30 soldados, que trabalharão em conjunto com 30 agentes e técnicos do CCZ”, explicou Visockas.

 

A Prefeitura segue diariamente ações de controle do vetor realizadas pelos agentes de controle de endemias, como as visitas domiciliares para inspeção e orientação à população quanto às medidas preventivas, bloqueio, controle e retirada de criadouros, nebulização e bloqueio de transmissão, visita a pontos estratégicos e imóveis especiais, busca ativa de suspeitos e atividades de informação, educação e comunicação à população. Todas as ações de combate ao mosquito transmissor da dengue, zika vírus e chikungunya são realizadas ininterruptamente durante todo o ano, que resultou na redução de 35% dos casos de dengue em 2015 em Santa Bárbara d’Oeste.

 

Fotos: Marcel Carloni

 

Assessoria de Imprensa

Comentários

Dennis Moraes