fbpx

Portal SB24Horas

Conteúdo é aqui!

Variedades

Veja como economizar na compra do seu smartphone

Alívio para o bolso pode acontecer com planejamento, comparação de preços e um “plano B” em mãos.

 

Há alguns anos, os smartphones são um dos sonhos de consumo dos brasileiros. Parte da vida de milhões de pessoas, utilizados como forma de trabalho e lazer, eles devem agitar o setor de varejo no próximo mês, quando devem ser um dos produtos mais procurados na Black Friday.

 

Se você pretende comprar um smartphone pela internet, o ideal é sempre buscar por lojas confiáveis, que não aplicarão golpes e garantirão a entrega do produto. No entanto, uma compra satisfatória do aparelho que você deseja envolve outros fatores além da confiabilidade.

 

Neste texto, conheça algumas dicas de ações que você pode realizar para conseguir uma economia preciosa na hora de comprar. Monitorar as alternâncias nos preços e comparar os valores em diferentes lojas são algumas delas.

Defina um limite de gasto

Em muitos casos, economizar é sinônimo de planejar. Quanto maior for o seu planejamento envolvendo alguma compra, maiores são as chances de você conseguir um bom preço e um alívio para o seu bolso.

 

Antes de comprar um smartphone, lembre-se de definir um limite orçamental. Avalie a sua condição financeira e veja até quanto você pode dedicar à compra, sem comprometer o seu orçamento daquele mês ou dos meses seguintes, caso ela seja uma aquisição parcelada.

 

Esse teto de gastos ajuda você a não se render às tentações de um produto que seja muito caro. Alguns aparelhos dispõem de mais comodidades e funcionalidades, mas se você perceber que elas não são essenciais para o seu dia a dia, não existe a necessidade de pagar um valor mais alto por isso.

Busque produtos semelhantes

Se você já escolheu um smartphone, tenha, por precaução, um plano B para essa compra. Isso é importante caso você não encontre o aparelho que deseja na loja em que pretendeu comprá-lo ou ele esteja muito caro, acima do valor que você esperava.

 

Esse plano B consiste em criar uma lista com alternativas viáveis, com outros aparelhos que possam te atender. Assim, você já terá em mãos boas opções caso tenha algum imprevisto com a sua escolha principal. Se for uma aquisição que não pode ser adiada, é bom que essa lista possa te orientar de forma apropriada.

Monitore os preços

Esteja atento às mudanças de preços do que você vai comprar. Já houve situações que, com a proximidade da Black Friday, algumas lojas praticassem  uma estratégia de maquiar os preços, fazendo com que os descontos da data não fossem reais. Trata-se do famoso caso do “tudo pela metade do dobro”.

 

A tática era realizada da seguinte forma: semanas antes da Black Friday, o valor dos produtos subiam. Assim, quando a data comercial acontecia, o preço original era restabelecido, como se um grande desconto tivesse sido aplicado.

 

Apesar de a lei proibir esse tipo de prática, é sempre importante monitorar os valores do que você deseja comprar, para evitar cair em golpes. Você pode encontrar sites que fazem esse tipo de serviço na internet. O recomendado é que esse monitoramento comece com bastante antecedência, às vezes, meses antes da realização da compra.

Compare os valores

Além do monitoramento, outra dica valiosa é realizar uma comparação de preços em diferentes lojas. Também existem sites que oferecem essa funcionalidade e permitem que você encontre o local com o preço mais vantajoso para a sua compra.

 

Fora o preço, é necessário prestar atenção em outros aspectos: veja qual é o frete e o prazo de entrega para onde você mora em cada um dos sites pesquisados.

Comentários