fbpx

Portal SB24Horas

Conteúdo é aqui!

Saúde: Suplementação auxilia na melhora do Sistema Imunológico e bom funcionamento do Organismo

Especialista esclarece sobre os tipos de nutrientes que podem ajudar na manutenção da saúde e proteção de doenças. 

 

Proteger a saúde é de fato uma das grandes preocupações da população brasileira neste momento. Diante disso, observa-se um aumento na demanda de informações sobre nutrição, alimentos e suplementos alimentares que influenciam diretamente no nosso bem-estar e fortalecimento do sistema imune.

O setor de suplementos alimentares no Brasil cresceu mais de 14% nos últimos anos e a indústria dispõe de pesquisa, inovação e tecnologia para suprir a demanda do consumidor. “Frente a essa situação, temos que priorizar a segurança. Tanto o equilíbrio como a proteção são essenciais sob qualquer circunstância. Nosso segmento apresenta diversas linhas de produtos que foram desenvolvidos por profissionais com o foco de promover a qualidade de vida das pessoas”, declara Synésio Batista da Costa, presidente da Brasnutri.

De acordo com o nutricionista Rodrigo Loschi, o sistema imunológico é responsável por combater a ação negativa, por meio de células específicas, contra invasores, tais como microrganismos ou substâncias nocivas. “Nosso organismo está exposto a bactérias, fungos, vírus e demais agentes que podem apresentar perigo quando estamos com o sistema imunológico fragilizado. Essa debilidade pode nos levar a apresentar gripes, resfriados e até mesmo outras doenças mais graves”.

O especialista explica que alguns fatores podem contribuir de forma negativa e fragilizar ainda mais a imunidade do corpo, como o estresse físico e a alimentação desequilibrada. “Sem os nutrientes essenciais nosso organismo não se desenvolve nem funciona de forma adequada, pois o corpo exige vários minerais e vitaminas (micronutrientes) cruciais para seu crescimento e desenvolvimento, além da prevenção de doenças crônicas. Nem todos eles são produzidos naturalmente no corpo, então você tem de ingeri-los na dieta ou completá-los na forma de suplementos alimentares”, orienta o profissional.

Para o consumo de suplementos alimentares é necessário lembrar que é imprescindível a orientação profissional do médico ou nutricionista.

Veja a seguir a entrevista do especialista Rodrigo Loschi sobre os principais nutrientes que fortalecem o sistema imunológico:

1.Quais as principais causas da imunidade baixa no organismo?

RL: São vários fatores que contribuem para um sistema imunológico baixo, pacientes que utilizam medicamentos imunossupressores (usados para evitar a rejeição do órgão transplantado) é um deles. Outras situações que podemos citar é a privação do sono, o consumo de álcool, o stress, a restrição calórica, a restrição de carboidratos, além da prática de exercício físico de alta intensidade e longa duração. Deficiências de nutrientes no organismo como o zinco, a vitamina D e o selênio diminuem a expressão de enzimas de defesa imunológica do organismo.

2.O que as pessoas em geral podem fazer para melhorar seu sistema imunológico?

RL: Ingerir alimentos com alto poder nutritivo é a base para a prevenção de muitas doenças. Adotar medidas de proteção para melhorar o sistema imunológico deve ser uma preocupação frequente entre as pessoas. É possível aumentar a imunidade por meio da mudança de alguns hábitos diários. Os nutrientes (proteínas, vitaminais, minerais e fibras) têm a capacidade de remover as impurezas e fortificar as estruturas musculares, ósseas e os órgãos.  Dormir pouco potencializa a desregulação do cortisol — hormônio responsável por controlar o estresse, combater as inflamações, manter um bom nível de pressão arterial e auxiliar no funcionamento adequado do sistema imunológico, portanto, dormir bem é fundamental para a manutenção da saúde.

3.O uso de suplementos alimentares previne que o sistema imunológico fique debilitado?

RL: Isso vai depender de pessoa para pessoa, dos seus hábitos e necessidades nutricionais que devem ser avaliadas pelo seu médico ou nutricionista. Se o indivíduo possui deficiência ou baixa de alguma vitamina ou nutriente, sim, podemos fazer uso dos suplementos alimentares para completar esse déficit nutricional e fortalecer o organismo. 

4.Quais os suplementos mais indicados na melhora da imunidade?

RL: A deficiência/restrição de zinco, vitamina D, selênio, cisteína (NAC), carboidratos e glutamina parecem diminuir a expressão de enzimas de defesa do sistema imunológico, portanto, na forma de suplementos alimentares esses podem ajudar. Pessoas com deficiência de nutrientes podem considerar a suplementação. Para entender se a pessoa precisa consumir suplementos é necessária a orientação feita por nutricionista ou médico.

5.Qual a suplementação adequada para o fortalecimento do organismo das pessoas com idade 60+?

RL: Por consequência do processo de envelhecimento a absorção dos nutrientes no nosso organismo não ocorre como antes, aumentando assim o risco de carências nutricionais. Considerar então, o uso de suplementos alimentares, pode ser uma boa pedida (em casos específicos) para as pessoas com mais de 60 anos de idade. A orientação para este público é adequar a ingestão de proteínas de alto valor biológico, pois estas possuem em sua composição aminoácidos essenciais em proporções adequadas. Caso o idoso apresente deficiência de zinco, vitamina D, selênio, cisteína (NAC) ou glutamina, estes devem ser prescritos via alimentação e/ou suplementação.

Fonte: Rodrigo Loschi, nutricionista, pós-graduado em Nutrição Esportiva, Nutrição Clínica e Fitoterapia. Professor dos cursos de pós-graduação da VP Centro de Nutrição Funcional (Nutrição Esportiva Funcional e Fitoterapia). Consultor científico de suplementos da Supley Laboratórios – Max Titanium.

 

Sobre a Brasnutri A Associação Brasileira dos Fabricantes de Suplementos Nutricionais e Alimentos para Fins Especiais, brasnutri.org.br ,  fundada em 9 de maio de 2012, por fabricantes de suplementos nutricionais, objetiva o desenvolvimento de ações em favor da ampliação do mercado, a formalização das relações comerciais, o respeito a um ambiente sadio e competitivo entre os produtos e empresas. Possui o foco de trabalhar na direção de obter da sociedade brasileira, o respeito e o reconhecimento, ao que este setor faz de melhor para o consumidor.

Comentários