24Horas Saúde 

Sangue na urina é sintoma de várias doenças

Problemas vão de infecção urinária a câncer de bexiga, rins e próstata

A cor da urina pode dizer muito sobre a saúde de uma pessoa. O normal é que ela seja amarelo-claro e cristalina. Se estiver amarelo-escuro, laranja, marrom ou avermelhada, ou vir acompanhada de sedimentos, inclusive coágulos de sangue, o ideal é procurar um médico imediatamente.

Esses sinais podem ser sintomas de várias doenças, desde as de fácil cura e benignas, como cistite, até câncer, explica o dr. Gabriel Barbosa Franco, membro titular da Sociedade Brasileira e da Associação Americana de Urologia. Certos alimentos (como beterraba, amora, aspargos, doces com corante ou azul de metileno) e medicamentos (alguns antibióticos, destacando-se a rifampicina, antissépticos urinários, certos anticoagulantes e as vitaminas B e C) também podem deixar a urina avermelhada, sem que haja qualquer problema.

A presença de sangue na urina, chamada de hematúria, deve ser rapidamente investigada. Além disso, mesmo sem qualquer sintoma, é importante que se faça uma análise laboratorial periodicamente, pois nem sempre a hematúria é visível. Caso a quantidade de hemácias (glóbulos vermelhos) seja muito pequena, ela só será detectada por meio de exame (Urina Tipo 1).

Urina com sangue pode ser sintoma de uma grande variedade de doenças, sendo a infecção urinária a mais comum. Mas pode significar também problemas em qualquer órgão do trato urinário, como rins, ureter, bexiga, próstata ,(nos homens) ou uretra. A causa pode ser ainda Lúpus, Endometriose (nas mulheres) ou Anemia, entre outras.

Quando a hematúria vem acompanhada por outros sinais, isso pode ajudar o médico a fazer o diagnóstico, que deve ser confirmado por exames. Se houver ardência ao urinar, é provável que seja cistite; febre, calafrios, vômitos e dor lombar indicam pielonefrite; forte dor lombar, que vai até a virilha, costuma ser cálculo renal; dificuldade para urinar, em homens idosos, pode significar problemas na próstata.

De todas as doenças, a que mais preocupa paciente e médico é, sem dúvida, o câncer, de bexiga rins ou próstata, já que seu primeiro sintoma costuma ser o sangue na urina. Ele pode estar presente por um período e depois desaparecer por semanas ou meses, voltar ou não. Em seu estágio inicial, o sangramento costuma ser pequeno e não há dor.  Mas outros sinais também podem ocorrer: dificuldade para urinar e jato fraco, vontade de urinar com mais frequência, mesmo com a bexiga vazia, com sensações de dor e queimação. Vale lembrar que esses sinais também aparecem em outras doenças, benignas.

No caso de câncer avançado, a pessoa pode não conseguir urinar, ter dor lombar, perder o apetite e emagrecer, sentir fraqueza, dor nos ossos e inchaço nos pés.

“Por tudo isso, ao primeiro sinal de hematúria, o paciente deve procurar um médico imediatamente. Só ele, por meio de exames físico, laboratorial e de imagem pode detectar se existe e qual é a causa do sangramento”, finaliza o dr. Gabriel, lembrando que, mesmo sem qualquer sintoma, é importante fazer o exame Urina Tipo 1 periodicamente.

Comentários

Leia também...