Samba na China: empresa brasileira leva show para o outro lado do mundo

Especializada em eventos, AMI7 coloca chineses para sambar em Chengdu. Foto: Divulgação

O ritmo consagrado do samba e o espetáculo do Carnaval giram o mundo ao longo do ano propiciando aos sambistas, experiências únicas no que se refere a intercâmbio cultural. Especializada em eventos, a AMI7 Promoções e Eventos está na China, mais precisamente na província de Chengdu, participando do Festival Internacional promovido anualmente no local. A empresa que também é uma das organizadoras da Carnavália-Sambacon e que realizou o Carnaval de San Luis na Argentina , onde era responsável pela logística de um elenco de quase três mil brasileiros, aceitou o desafio de levar à China um pouco da cultura do samba.

– Está sendo uma experiência muito bacana para nós e, acredito para os chineses também, poder conhecer um pouco mais das duas culturas. O samba rompe qualquer barreira e só temos a agradecer ao Dr. Danillo Santos, a oportunidade e a confiança em nosso trabalho, diz Moacyr Barreto, representante da AMI7, que acompanhou a delegação brasileira.

A abertura oficial do evento aconteceu no Teatro de Arte de Chengdu. Dentro da programação, grupos de vários países se apresentam tendo os bailarinos do espetáculo Ginga Tropical como principal atração encerrando todas as noites do Festival.

Moacyr e organizadores do evento

Segundo Moacyr Barreto, a possibilidade de outras incursões para o país é grande.

– Esta parceria com o Dr. Danillo pode reverberar em um grande intercâmbio cultural entre os dois países. Ele já faz isso no Brasil, sendo um braço muito importante comercial e culturalmente entre a China e o Brasil. Hoje o samba encanta todo o mundo, por que não trazê-lo para a China. É mais um desafio que a AMI7 terá daqui por diante, finaliza.

Comentários

Notícias relacionadas