Portal SB24Horas

Conteúdo é aqui!

Quais os principais tipos de absorventes?

Conheça os principais absorventes para saber escolher o que mais se adapta ao seu corpo.

Os absorventes são acessórios presentes na vida de uma mulher desde a adolescência e seu uso é fundamental para promover a absorção da menstruação, evitando que possíveis vazamentos ocorram.

 

Mas para estar em dia com os seus cuidados femininos, é importante conhecer os diversos modelos de absorvente que existem no mercado e, assim, escolher a opção mais confortável para o seu corpo.

 

Para te ajudar, preparamos este artigo, que mostra os principais modelos de absorventes e como eles devem ser utilizados para promover um bom conforto nessa fase.

Absorvente externo

Esse tipo de absorvente é o mais comum e pode ser facilmente encontrado em farmácias e supermercados. Ele é feito de algodão e possui uma camada de plástico no fundo, utilizada para colar o acessório na roupa íntima.

 

Existe uma variedade de modelos feitos pensados em cada etapa do ciclo menstrual, compreendendo as diferentes intensidades de um fluxo. Você pode encontrar modelos com ou sem abas, com capacidade de absorção maior e com cobertura suave ou seca.

 

No seu uso cotidiano, o ideal é trocá-lo a cada 4 horas para evitar mau cheiro e infecções causadas pela utilização prolongada do item.

Absorvente interno

Esse modelo, também conhecido como tampão, é o mais adaptável de todos, pois com ele é possível ir à praia ou piscina sem ocorrer vazamentos. Além disso, ele coopera para a saúde da sua região íntima, já que permite uma melhor circulação do ar, evitando o surgimento de infecções.

 

Eles são pequenos tubos de algodão colocados no canal vaginal e também devem ser trocados a cada 4 horas. Em casos de fluxo intenso, é recomendada a utilização de um protetor diário, outro tipo de absorvente que você vai conhecer mais abaixo.

Calcinha absorvente

Esse modelo se parece com uma calcinha comum, porém sua área de contato com a região íntima consegue absorver a menstruação e secar rapidamente.

 

É um modelo bem interessante por evitar que infecções surjam, pois não possui nenhum componente que cause irritação. A calcinha absorvente também é reutilizável e após o uso é necessário lavá-la com água e sabonete neutro. Assim, já estará pronta para ser utilizada novamente.

 

No mercado existem diferentes modelos adaptados para os fluxos leve, moderado e intenso, fazendo com que cada mulher possa utilizar a calcinha absorvente que mais se adapta a seu ciclo menstrual. Elas podem ser trocadas diariamente, salvo em casos de fluxo intenso, em que é mais interessante trocá-las depois de 5 a 8 horas de uso.

Coletor menstrual

Os coletores menstruais são pequenos copos feitos de silicone medicinal e são reutilizáveis, ajudando a reduzir o lixo gerado e depositado no meio ambiente.

 

São hipoalergênicos e maleáveis, devendo ser colocados no canal vaginal assim como o absorvente interno. Porém, após seu uso, é possível lavar o coletor com água e sabão neutro.

 

Existem vários modelos no mercado e, para adquiri-los, é interessante se atentar a alguns fatores como intensidade do fluxo menstrual, altura do colo do útero e força dos músculos pélvicos. Esses fatores vão determinar o modelo a ser utilizado. Para obter essas informações, é interessante consultar um ginecologista para não ter qualquer problema.

Protetor diário

Esse modelo é um tipo de absorvente externo pequeno e mais fino, geralmente utilizado no fim da menstruação, em que o fluxo costuma ser menor, ou também no dia a dia para absorver possíveis corrimentos.

 

Ele é utilizado da mesma forma que o absorvente externo e deve ser trocado a cada 4 horas, a fim de evitar o uso prolongado.