Prefeito Denis Andia assina convênio para implantação do “Centro Conviver” para idosos

Prefeitura também renovou o convênio com o Programa Viva Leite que beneficia 700 famílias
O prefeito de Santa Bárbara d’Oeste, Denis Andia, firmou convênio nesta quarta-feira (22) para liberação de recursos do “Centro Conviver” para idosos, equipamento que faz parte do Programa São Paulo Amigo do Idoso, lançado pelo Governo do Estado de São Paulo. A cerimônia contou com a presença do secretário de Desenvolvimento Social do Estado, Rogério Hamam, da diretora técnica regional da DRADS Campinas, Laura Contador Rodrigues da Silva, e a secretária municipal de Promoção Social, Maria Cristina da Silva. Trata-se de um espaço de convivência, socialização, lazer e atividades, onde os idosos com mais de 60 anos podem frequentar, contribuindo para seu envelhecimento ativo, saudável e autônomo. Serão investidos, ao todo, cerca de R$ 250 mil.
Denis ressaltou ainda que o Centro Conviver é um local adequado para o desenvolvimento de projetos voltados para a terceira idade, onde o idoso pode frequentar gratuitamente, conhecer pessoas, fazer amizades, se divertir e garantir um amadurecimento saudável e com qualidade. “É importante por se tratar de algo que não existe no Município. Trata-se de um local voltado integralmente ao idoso de baixa renda que pode permanecer ao longo do dia no Centro com todo acolhimento e conforto”, comentou.
“Com a construção deste centro de convivência poderemos ampliar o atendimento à nossa melhor idade. A unidade será construída em um terreno de propriedade do Município localizado na Zona Leste da cidade. Serão acolhidos 50 idosos em situação de vulnerabilidade social”, disse Maria Cristina. “A implantação de um Centro Conviver em Santa Bárbara é uma forma de ofertar qualidade de vida aos idosos com atenção especializada, o que é de seu direito. Ele fica amparado e terá os devidos cuidados durante o dia enquanto seus familiares trabalham”, frisou.
Outra ação do programa é o Cartão Amigo do Idoso, lançado em março deste ano. O benefício mensal de R$ 100,00 é direcionado a idosos com idade superior a 80 anos, com renda mensal de até meio salário mínimo. Para ter direito ao auxílio, o idoso deve estar registrado no Cadastro Único (CadÚnico) e não ser atendido nos programas de benefícios individuais, como o Renda Mensal Vitalícia (RMV) ou Benefício de Prestação Continuada da Assistência Social (BPC).

Viva Leite
Durante o encontro, Denis também renovou o convênio Viva Leite, projeto social de distribuição gratuita de leite fluido, pasteurizado, com teor de gordura mínimo de 3%, enriquecido com ferro e Vitaminas A e D para famílias em situação de vulnerabilidade social.
O projeto tem o objetivo de oferecer um complemento alimentar seguro e de alto valor nutritivo às pessoas de baixa renda, além de gerar, de forma indireta, novos empregos no campo. “É muito importante para a cidade, pois beneficia 700 famílias de baixa renda, dando subsídio para uma alimentação fundamental às crianças. São 11 mil litros de leite distribuídos por mês com investimentos de R$ 19,9 mil do Governo do Estado”, completou.
Assessoria de Imprensa

Comentários

Notícias relacionadas

Deixe uma resposta