Polícia Civil prende suspeito de duplo homicídio


Em junho as vítimas foram queimadas vivas

O crime ocorreu no dia 09 de junho, as vítimas foram capturadas pelo autor e levadas num veículo VW/Parati de cor vermelha até um canavial às margens da Rodovia dos Bandeirantes (SP-308) em santa Bárbara d’ Oeste (SP) onde foram “queimados vivos”. As vítimas José Alberto Furlan conhecido ”Zequinha” deficiente físico e que usava muletas, foi alvejado com três tiros e Elias Canuto de Aleixo ambos de 52 anos, os dois pediram socorro para um vigilante da Usina que fazia ronda pelo local e viu as chamas no canavial.

Na oportunidade as vítimas foram socorridas e encaminhadas a Hospitais da região onde dias depois vieram a falecer em decorrência dos ferimentos. Durante as investigações foram colhidos indícios de que o acusado J. H. S. de 25 anos,conhecido como chefe do tráfico no bairro onde as vítimas moravam, teria sido um dos autores do duplo homicídio em questão.

MOTIVAÇÃO

A motivação do crime teria sido porque o suspeito “desconfiou” que as vítimas teriam subtraído drogas escondidas num mato.

FUGA ”RIO DE JANEIRO”

Após o crime o rapaz fugiu para o Estado de Rio de Janeiro, retornando para Santa Bárbara d’ Oeste (SP) no domingo (20), sendo preso por volta das 14 horas pela Polícia Civil do Município por força de Mandado de Prisão Temporária de 30 dias, nesta data na residência de sua mãe na Vila Sartori. A Policia apura a participação de outros envolvidos no crime. A rapaz pode pegar uma pena máxima de 30 anos de prisão em regime fechado.

 

Do: Giro de Notícias Sbo
Imagens: divulgação Polícia Civil Sbo

Comentários

Notícias relacionadas