Portal SB24Horas

Conteúdo é aqui!

Piracicaba: Barraca Café das Nações tem degustação de cafés coados na hora, na mesa do cliente

*


As voluntárias e voluntários da Escola de Mães “Professora Branca Motta de Toledo Sachs” estão terminando os últimos detalhes para a participação na 32ª Festa das Nações de Piracicaba, que começou ontem (13) a noite e segue até domingo. Patrocinador oficial da barraca Café das Nações há 15 anos, o Café Morro Grande doa integralmente seus produtos para a entidade, que caprichou no cardápio para oferecer aos visitantes muito sabor e fraternidade.

Lia Lima Gatti Höfling, diretora de Marketing do Café Morro Grande, faz questão de acompanhar a montagem da barraca e os arremates finais para a maior festa da solidariedade da região. “Acompanhamos o trabalho da Escola de Mães há muitos anos e reconhecemos o esforço em ajudar as famílias antes, durante e após a gestação. A cada nova vida, uma conquista. Partilhamos esses ideais e, por isso, colaboramos todos os anos para que o Café das Nações ofereça aos visitantes novidades, pratos preparados com pitadas de carinho e sabor”.

Além do tradicional cafezinho, que dá nome à barraca da Escola de Mães na Festa das Nações, o cardápio traz boas opções de pratos salgados e doces. O antepasto conta com de confetit de tomate cereja, échalot carameladas, pães, seleção de queijos e saladas de folhas. As opções de carne são carré de cordeiro e bombom de filet mignon. Para quem curte, os risotos são de shimeji e queijos. Para sobremesa, gelato de café com farofa.

Quem passar pela Barraca Café das Nações poderá degustar o tradicional Expresso Café Morro Grande, conhecer as novas cápsulas para expresso (lançadas este ano) e, assim como na edição do ano passado, degustar um cafezinho coado na hora, na própria mesa. “Foi um sucesso e vamos levar novamente a opção de terminar a refeição com um café fresquinho, coado no momento da degustação”, convida Lia Gatti.

Sob o comando da presidente Regina Angeli, a Barraca Café das Nações está representada pela rainha Ana Raquel Galvão, pela embaixadora Bianca Rodrigues e pelo guardião Diogo Toledo Gomes.

Fundada no dia 17 de outubro de 1939, a Escola de Mães   Prof. Branca Motta de Toledo Sachs tem como objetivo preparar as futuras mamães para receberem seus filhos de forma saudável e segura, trabalhando os valores que fundamentam a família, os direitos e deveres pertinentes à cidadania e o bem estar a partir do reconhecimento das necessidades e valores de cada ser, inclusive enquanto feto. É reconhecida como de Utilidade Pública em nível Municipal, Estadual e Federal.

O trabalho é desenvolvido por uma equipe interdisciplinar composta por médicos ginecologistas, pediatras, assistente social, agente de saúde, psicólogas, advogada e voluntários treinados para cumprir e fazer valer os direitos sacramentados do ser humano na Constituição Federal e no ECA (Estatuto da Criança e Adolescente). Oferece a oportunidade de uma gestação melhor assistida, visando e prevenindo intercorrências que coloquem em risco a gestação e o parto;  acompanha o desenvolvimento da criança nos primeiros dois anos de vida contribuindo, assim, para a redução de óbito infantil e materno; orienta as mães  sobre  importantes  problemas sociais como  a violência, exploração e abuso sexual contra criança e adolescente e outros igualmente relevantes com o objetivo de  contribuir para a conscientização dos direitos e deveres da mulher, enquanto agente da sua própria história, e a importância de sua presença no seio da família; doa peças de enxoval, latas de leite e medicamentos e outros. Seu mantenedor é o Lions Clube Piracicaba Leste.

A Escola de Mães Branca Motta de Toledo Sachs atende, anualmente, 150 gestantes e 200 bebês. O funcionamento é de segunda a sexta-feira, das 7h às 11h, na Rua Prudente de Moraes, 1578, no bairro Alto, em Piracicaba/SP.

SERVIÇO:
Barraca Café das Nações – 32ª Festa das Nações de Piracicaba
Apoio: Café Morro Grande
Informações e convites:
(19) 3433-3428
Regina Angeli (9.9796-1211)
Renata Angeli (9.9120-9823)

Comentários

Dennis Moraes