Páscoa: veja dicas para a compra de ovos, bombons e barras de chocolate

A Páscoa está chegando e, com ela, ofertas de ovos de chocolate de diversas cores, recheios e tamanhos invadem o comércio e as publicidades. Como coelho “bota ovo” apenas nesta época, este item geralmente custa mais, quando comparado ao preço que pode ser pago por uma barra de chocolate ou uma caixa de bombons. Por isso, antes de comprar é importante pesquisar bem e pensar primeiro no seu bolso e, dependendo do valor, tenha em mente que oval, redondo ou em barra, chocolate é chocolate.
Independentemente da opção, é importante saber que:
  • As numerações indicadas pelos fabricantes nos rótulos dos ovos de Páscoa, não são padronizadas, por isso leve mais em conta a informação sobre o peso do produto;
  • quando houver inclusão de brinquedos no interior do ovo, observe se na embalagem contém o selo com a idade recomendável para seu uso, além da seguinte frase: “Atenção! Contém brinquedo certificado no âmbito do Sistema Brasileiro de Avaliação da Conformidade”;
  • como ocorre com outros alimentos, a embalagem de ovos ou da barra de chocolate deve estar em boas condições de armazenamento, longe de produtos de limpeza, de odor forte e de qualquer fonte de calor. Verifique se há sinais de violação do conteúdo. Evite produtos amassados ou com furos, pois é ela quem protege o produto de insetos e de contaminação;
  • fornecedores de produtos fabricados artesanalmente, além de terem de seguir as mesmas regras de comercialização dos industrializados, também estão obrigados a fornecer nota fiscal;
  • os rótulos devem trazer, além da identificação do fabricante, a data de validade, peso e a composição, já que determinadas doenças impedem aos seus portadores a ingestão de açúcar ouos rótulos devem trazer, além da identificação do fabricante, a data de validade, peso e a composição, já que determinadas doenças impedem aos seus portadores a ingestão de açúcar ou glúten, por exemplo.

 

Fundação Procon São Paulo

Comentários

Notícias relacionadas