Núcleo de Educação Integrada (NEI), da Fundação Romi, recebe homenagem da Fundação Antônio Meneghetti do Rio Grande do Sul

Instituição participou do concurso cultural Uma Nova Pedagogia para a Sociedade Futura na categoria Adolescência

 

O Núcleo de Educação Integrada (NEI), da Fundação Romi, recebeu uma homenagem da Fundação Antônio Meneghetti, do Rio Grande do Sul. A instituição participou do concurso cultural Uma Nova Pedagogia para a Sociedade Futura, que premia práticas bem sucedidas de educação em todo o Brasil.

 

A metodologia do NEI participou da categoria Adolescência, com o trabalho “Uma escola feliz: Vivendo uma experiência educativa cativante”, que recebeu um troféu de honra ao mérito pela iniciativa. O artigo foi escrito pela coordenadora pedagógica da Fundação Romi, Luciana Bueno Bruscagin, e pela professora de Língua Portuguesa do NEI, Celina Stela Marques. Ao todo, a comissão julgadora analisou 153 trabalhos enviados de diferentes regiões do país.

 

A superintendente da Fundação Romi, Márcia Ameriot, destaca a honra de ter participado do concurso cultural e, ainda, de ter recebido a homenagem como destaque. “Acreditamos firmemente que a pedagogia do Núcleo de Educação Integrada deva ser utilizada em larga escala para a sociedade futura e já há mais de 20 anos provamos que é possível uma escola que apaixona alunos e professores. Uma escola que conquista pela busca do conhecimento, pela autonomia dos alunos e contribuição ao desenvolvimento social”.

 

A Fundação Antônio Meneghetti, fundada em 2010, é uma instituição de educação e incentivo à cultura. Em parceria com órgãos e instituições, públicas e privadas, brasileiras e estrangeiras, a Fundação Antônio Meneghetti realiza seminários, cursos, congressos nacionais e internacionais com o objetivo de ampliar o conhecimento humano e o desenvolvimento intelectual. Além disso, realiza eventos culturais e artísticos, principalmente os que difundem a cultura humanista.

 

NEI

 

No NEI, escola regular em tempo integral da Fundação Romi, o método de ensino é diferente e inovador, voltado para o desenvolvimento de competências e habilidades de alunos do 6º ao 9º ano. Com uma metodologia participativa, o trabalho é desenvolvido em grupos, nos quais os participantes resolvem desafios criados pelos professores, nas diferentes áreas do conhecimento: Ciências, Filosofia, Português, Geografia, História, Educação Física, Expressão Corporal, Música, Inglês, Artes, Leitura, Interpretação, Matemática por meio de jogos e Lógica, Tecnologia da Informação e Comunicação e Português.

 

Matrículas 2015

 

A Fundação Romi está com matrículas abertas para os 6º e 7º anos do Ensino Fundamental II do Núcleo de Educação Integrada. Aos interessados, a instituição disponibiliza um programa de descontos. Para mais informações, é só entrar em contato com a secretaria da escola pelos telefones 3499-1553 e 3499-1556.

 

Fundação Romi

 

Criada em 1957, em Santa Bárbara d’Oeste, pelo casal Américo Emílio Romi e Olímpia Gelli Romi, a Fundação Romi tem como missão promover o desenvolvimento social por meio da educação e cultura. Pioneira na promoção da comunidade regional e na realização de ações sociais, atende mais de 37 mil pessoas por ano por meio de seus quatro grandes eixos: Centro de Documentação Histórica (CEDOC), o Centro de Vivências do Desenvolvimento Infantil (CEDIN), o Núcleo de Educação Integrada (NEI) e a Estação Cultural (EC). Tendo como apoiadora as Indústrias Romi S.A., instituições governamentais, não governamentais e a inicia privada, a Fundação Romi objetiva, continuamente, atingir números mais expressivos por meio de suas áreas de atuação, seus programas e seus projetos. Para mais informações, acesse o site: www.fundacaoromi.org.br

 

 

Comentários

Notícias relacionadas