Meio Ambiente segue com oficinas de educação ambiental

Com a volta às aulas, a Secretaria de Meio Ambiente de Santa Bárbara d’Oeste dará continuidade ao projeto “Viveiro Educador”. Durante a visita, os alunos acompanham uma breve explicação sobre a importância do plantio de árvores e os benefícios associados. Após, seguem para a visita, acompanhando o trabalho desenvolvido no Viveiro, visitando as estufas, os canteiros e demais dependências do local. Os educandos também fazem uma pausa para o lanche, permitindo a descontração e um momento de interação entre os alunos.

 

O objetivo é permitir o contato direto do público com a rotina de produção de mudas, tornando o Viveiro um espaço de aprendizagem e sensibilização para as questões ambientais. O projeto atende alunos do 1º ao 5º ano do Ensino Fundamental. As visitas devem ser agendadas diretamente na Secretaria de Meio Ambiente por meio do telefone 3464-9010. O Viveiro Municipal está localizado na Estrada da Cachoeira, 1.220, no bairro São Joaquim.

 

Educação Patrimonial

 

Paralelo a isso, a Secretaria também retomará essa semana a oficina “Cuidando do Meio Ambiente”, em parceria com o Projeto de Educação Patrimonial da Fundação Romi. A iniciativa busca estimular os alunos a pensarem sobre o descarte correto de resíduos a partir da modernização da fabricação e venda do açúcar. A oficina é voltada a alunos do 3º ano do Ensino Fundamental de escolas estaduais, municipais e particulares de Santa Bárbara e região.

 

A visita é dividida em quatro etapas observação, registro, exploração e apropriação. Logo no começo, os participantes recebem “folhas didáticas”, com o objetivo de orientá-los neste processo de descoberta. Já na fase final, de apropriação, os estudantes participam de uma oficina, na qual o professor pode ter ideia das infinitas possibilidades de um trabalho integrado e interdisciplinar com matemática, língua portuguesa e história.

 

O agendamento pode ser feito pelo telefone (19) 3499-1558, com antecedência mínima de duas semanas. O trabalho de Educação Patrimonial é realizado com, no máximo, 40 estudantes por período. A participação é gratuita. O CEDOC fica na Avenida João Ometto, 118, Jardim Primavera. O horário de funcionamento é das 8 às 16 horas, de segunda a sexta-feira.

 

Foto: Arquivo

 

Assessoria de Imprensa

Comentários

Notícias relacionadas