Santa Bárbara d´Oeste 

Legends of Tomorrow estréia hoje no Brasil


Estréia hoje no Brasil a nova série DC’s Legends of Tomorrow, que complementa o universo televisivo da DC Comics iniciado por Arrow e The Flash. A série passa a ser exibida todas as quintas-feiras, na Warner Channel, às 21h40min.

A história reúne um grupo de improváveis heróis com o objetivo de salvar o mundo de uma ameaça atemporal: Vandal Savage (Casper Crump). A equipe de oito super-heróis (ou super-vilões, dependendo do ponto de vista) é reunida por Rip Hunter (Arthur Darvill), um dos Mestres do Tempo do futuro que volta ao passado a fim de derrotar o imortal que assassinou sua esposa e o seu filho. Para isso, ele recruta as oito Lendas do Amanhã: Sara Lance, a White Canary (Caity Lotz); Ray Palmer, o The A.T.O.M. (Brandon Routh); Firestorm, formado por Dr. Martin Stein (Victor Garber) e Jefferson Jackson (Franz Drameh); Leonard Snart, o Capitão Frio (Wentworth Miller); Mick Rory, o Heat Wave, ou Onda Térmica (Dominic Purcell) e, por fim, Kendra Saunders, a Hawkgirl (Ciara Renée) e Carter Hall, o Hawkman (Falk Hentschel).

A grande brincadeira da série é transformar personagens que nem sempre foram heróis, como Leonard Snart (Miller) e Mick Rory (Purcell), vilões de The Flash, e a própria Canário, ex-membro da Liga dos Assassinos em Arrow, em heróis dispostos a lutar por algo que não seja eles mesmos. Para Snart e Rory isto é algo particularmente distante de suas personalidades, mas a evolução principalmente de Snart ao longo dos primeiros episódios da série é bastante surpreendente. “Acho que ele está intrigado pela idéia de ser uma lenda. (…) Ele pode se julgar um homem com um certo tipo de passado, e talvez herói não seja o status para ele (…), mas ao longo da experiência de viajar no tempo e trabalhar com Rip e os outros, ele começa a se conectar, construir relações e cresce e muda com o resultado”, contou Miller em entrevista ao IGN.

Mas os dois personagens mais importantes na missão de impedir Vandal Savage são os Gaviões: Kendra Saunders (Renée) e Carter Hall (Hentschel) são os dois únicos capazes de matar Savage, pois a história dos três vem conectada desde a época do Egito antigo. E este passado é explicado no crossover mais recente entre The Flash e Arrow, nos episódios Legends of Today e Legends of Yesterday, respectivamente. O desafio de fazer estes personagens tão distintos um do outro trabalharem juntos de forma harmoniosa é o que a equipe de produção da série tenta desenvolver semana após semana:

“Sim, é uma série sobre super-heróis, mas salvar o mundo não é a única coisa em jogo. Criamos situações que dão um equilíbrio à história, que mostram que por trás daqueles uniformes há seres humanos com problemas, que precisam lidar com seus próprios demônios. Eles estão atrás de redenção ou vingança, por exemplo”, relatou o roteirista e produtor Phil Klemmer em uma entrevista.

O primeiro episódio da série é duplo (exibido separadamente em duas semanas) e, para aqueles que não acompanham as séries irmãs, o piloto não é limitado e até chega a ser didático justamente para equilibrar a audiência. A primeira temporada terá 16 episódios e a expectativa é que, para a segunda, a equipe possa até ser modificada e novos personagens ainda inéditos na TV também possam ser trabalhados.

Confira o trailer:

 

 

Adoro Cinema

Comentários

Leia também...