Guilherme Tiosso propõe mudanças e Festa do Peão não terá rojões

Clube dos Cavaleiros abre mão de prerrogativa de utilizar rojões e entra em entendimento com vereador da causa animal para a prática de provas no rodeio. Evento terá ação promocional revertida para causa da defesa animal.

 

Podendo utilizar fogos de artifícios que tradicionalmente ocorre em todas as edições da Festa do Peão de Americana, o Clube dos Cavaleiros de Americana abriu mão da iniciativa em favor da causa animal. A decisão foi fruto do entendimento com o vereador e ativista da causa animal em Americana, Guilherme Tiosso, que no mês de abril viu seu projeto de proibição dos rojões ser arquivado na Câmara Municipal em um dos maiores embates na Casa de Leis onde o voto de Minerva decidiu pela rejeição do PL.

 

A decisão dividiu a cidade, que via o critério cultural e saúde humana e também animal comprometidos com a liberação dos rojões. Desde o resultado Tiosso nunca desistiu de tentar alternativas que viessem a ter o entendimento da sociedade quanto ao mal que os rojões causam, mas respeitou a decisão do Legislativo. “Foi um projeto difícil, árduo, mas muito criterioso em sua defesa. Nunca me convenci da derrota, e sempre acreditei no bom senso e isso prevaleceu por parte do Clube dos Cavaleiros. Achei a iniciativa nobre da parte deles, quando apresentei as propostas para que o impacto às pessoas e animais fosse mínimo”, explicou Tiosso.

 

O Clube dos Cavaleiros diz NÃO aos fogos de estampidos e também a critérios tradicionais que eram utilizados em provas do rodeio. O vereador Guilherme Tiosso em reunião com os organizadores do evento propôs alterações relevantes. O que muda na Festa do Peão:

 

1) Os shows pirotécnicos serão realizados apenas após o rodeio e dentro da arena, sendo potencializado a pirotecnia de efeito visual e ABOLIDO o uso de fogos que promovam estampido.

 

2) A prática das modalidades equestres seguirão regulamento da Associação Brasileira de Criadores de Cavalo de Quarta Milha – ABQM, sendo que na modalidade Team Roping, será utilizado o critério de finalização de cada apresentação com o Rollback desenrolado, ou seja, não haverá a tração do animal em sentidos opostos, detalhe que fará parte do regulamento a ser impresso brevemente e distribuído aos participantes;

 

3) Toda estrutura que alojará os animais na área de provas e áreas de descanso, possuirão adequação para tal prática, sendo disponibilizada em quantidade e qualidade suficiente para possibilitar a melhor ambiência possível, compatível com as espécies, zelando também pela segurança dos animais e público visitante; e

 

4) Todas as práticas esportivas envolvendo animais seguirão regulamentação vigente, sendo estas expressas através do Decreto Lei 45.781, Lei Estadual 10.359, Lei Federal 10.519, Manual de Boas Práticas para o Bem-Estar Animal em Competições (MAPA), Boas práticas de manejo – Curral (MAPA), Boas práticas de manejo – Embarque (MAPA), Boas práticas de manejo – Transporte (MAPA), Manual de boas práticas de manejo em Equideocultura (MAPA), Regulamento do Bem-Estar dos Touros de Pulo nos Eventos (ABTR).

Para Tiosso a iniciativa será pioneira no Brasil. “Sem dúvida alguma é um avanço. Em nome da causa animal eu quero agradecer ao Clube dos Cavaleiros pelo exemplo que dará a partir destas medidas para todos os rodeios no Brasil. Agradecer aos que militam na proteção animal por acreditar no meu trabalho, ao médico veterinário Dr. César Fabiano Vilela e ao vice-prefeito Roger Willians, que mediou a aproximação com os organizadores do evento. Isso demonstra que o diálogo prevaleceu e que o clima criado em volta de toda a discussão sobre os rojões serviu para a conscientização da nossa população sobre os malefícios do rojão”, finalizou Guilherme Tiosso.

 

AÇÃO PROMOCIONAL

 

Outra importante conquista que Guilherme Tiosso conseguiu com o Clube dos Cavaleiros é para que Ações de Marketing junto a parceiros comerciais sejam concretizadas para arrecadação de fundos para a causa da defesa animal, onde será disponibilizado o acesso de duas pessoas ao camarim dos artistas Simone e Simaria (dia 09/06), Guilherme e Santiago (dia 11/06) e Zé Neto e Cristiano (dia 14/06).

 

 

Comentários

Notícias relacionadas