fbpx

Portal SB24Horas

Conteúdo é aqui!

Fé ou Ciência?

Douglas S. Nogueira

Por Douglas S. Nogueira

 

Fé ou ciência? No que acreditar? Duas forças que a milhares de anos vem tentando persuadirem a humanidade de alguma forma, lutando para convencerem o povo das verdades de suas teses. A fé baseada no cristianismo e na escrituras bíblicas, luta dia após dia para contrariar o que a ciência relata como certeza, já que a fé se apega no ser supremo Deus, por outro lado a ciência nas teorias de grandes cientistas, filósofos, historiadores não somente do passado como também dos dias atuais.

         Mas, o que levaria um ser humano a optar por uma ou pela outra? Acreditar na escrituras bíblicas apegando-se a Deus e vivendo o cristianismo, para muitos parece uma verdadeira idiotice, pois esses imaginam que tais pessoas baseadas nesses três pontos, acreditam no não concreto, em algo surreal e fora do existente, pelo fato de para eles Deus não apresentar-se em momento algum na forma carne e osso, no entanto os cristãos desprezam tais teses científicas, já que entendem que as mesmas são obras de simples homens falhos, pecadores e loucos.

         A verdade é que em meio à essa árdua disputa de anos e anos entre fé e ciência, há uma grande e polêmica observação, nenhuma das duas provou cem por cento toda a verdade, como assim? Ambas desde o passado até os dias atuais, não conseguiram provar realmente as verdades passadas do planeta Terra.

         Existiram dinossauros? E os maias, incas cadê? E a origem dos índios, qual é? O que houve com essas civilizações? Jesus Cristo passou pela Terra? Logicamente que sim, há inúmeras provas sobre isso, principalmente em Israel. Mas, ele foi realmente aquele quem relata a bíblia? A fé diz que sim, a ciência despreza tal afirmação, contradizendo-a, como que um mero homem que viveu em meio a Judéia. E as estrelas perigosas, meteoros e planetas violentos que se aproximam? Segundo cientistas da NASA (National Aeronautics and Space Administration), aí vem eles! Mas, será que apenas viriam se Deus permitisse?

         O naturalista britânico Charles Robert Darwin que lançou a tão famosa e discutida teoria da evolução no ano de 1859, foi, é e sempre será contestado por aqueles que crêem na bíblia, já que lançou aos ares no referido ano uma complicada e ao mesmo tempo interessante tese, de que os seres vivos que sobreviveriam na Terra seriam somente os mais fortes, como para ele foi o caso do homem vindo dos grandes macacos, que se transformou no que hoje somos para sobreviver no início do mundo, em meio a grandes feras selvagens. Mas e aí?

         A fé baseada na bíblia e no cristianismo deve ser grandemente respeitada, pois com suas forças e teses já provou diversas e diversas vezes sua capacidade de cura e mudança na vida do ser humano. Todavia a ciência também é uma força digna do mesmo respeito, pois apesar de suas teorias serem criadas e desenvolvidas por homens sujeitos a grandes falhas de pensamentos, tudo o que dizem na maioria delas expressam detalhes interessantes e concretos.

         No ano de 2012, teorias e teses passadas deixadas pelos maias, anunciaram catástrofes horrorizantes no ano que chega. A bíblia de uma maneira enigmática (segredos), também relatou e afirmou um ano de destruições.

         E 2011? Um calendário que apresentou cálculos e mais cálculos estranhíssimos, como é o caso da soma do ano de nascimento com a idade das pessoas completadas agora, resultarem inexplicavelmente em 111 ou 11. E aí? A ciência diz que foram simples e lógicos cálculos matemáticos, já a igreja baseada na bíblia contradisse, argumentando que isso foi mais uma real e concreta prova de que Deus existe e está no comando de tudo.

         Daqui a precisos três anos, em fevereiro de 2019, segundo estudiosos cientistas, um grande asteroide irá inevitavelmente se colidir com a Terra, sendo que para desespero geral, não possuímos atualmente nenhuma tecnologia capaz de impedir tal colisão. O lado da fé cristã mais do que nunca, explana que tudo isso nada mais é que o “esperado” e temido fim dos tempos, o anúncio da volta de Jesus, lembra ainda, que a quarta e última Lua de Sangue já ocorreu em meados de 2015, sendo essa o apito inicial das destruições relatadas nas profecias bíblicas.

         Fé ou ciência? Bíblia ou teorias científicas? No que acreditar? Nenhuma ainda venceu e convenceu a outra, disputam, disputam e acabam ajuntando forças e andando lado a lado. Mas, em que acreditar? Nas duas? Talvez.

 

 Douglas S. Nogueira

Técnico de Planejamento da Manutenção

E-mail: douglas_snogueira@yahoo.com.br

Blog: www.douglassnogueira.blogspot.com.br

 

Comentários