24Horas RMC 

Estudantes da ‘UNIVERSITY OF SOUTHERN CALIFORNIA’ visitam Indaiatuba

Projeto Campo Bonito foi apresentado como modelo

 

O vice-prefeito de Indaiatuba, dr. Antonio Carlos Pinheiro, junto com o secretário de Planejamento Urbano e Engenharia, Sandro de Almeida Lopes Coral; mais representantes da Caixa Econômica Federal e Agemcamp (Agência Metropolitana de Campinas), receberam na tarde de quarta-feira (09) no Gabinete do Prefeito, cerca de 20 estudantes do curso de graduação de Urbanismo (ocupação de solo) da ‘University of Southern California’ localizada em Los Angeles, EUA; acompanhados pelo reitor da universidade Richard Green.

A visita foi agendada pela Agemcamp. Os alunos conheceram o Parque Oziel em Campinas como referência de crescimento desordenado e na sequencia passaram por Indaiatuba. Na Prefeitura foi apresentado um vídeo sobre o projeto habitacional, Campo Bonito, que foi lançado em dezembro do ano passado como maior projeto habitacional do município com 2.048 apartamentos populares da Faixa 1 do Programa Minha Casa Minha Vida, na Zeis (Zona Especial de Interesse Social).

O empreendimento será localizado no Bairro Buru, a área é de propriedade da HM Engenharia e Construções S.A, do grupo da Construtora Camargo e Correia, que firmou parceria com os entes envolvidos para a realização do empreendimento. O projeto desenvolvido por Indaiatuba é usado pelo Ministério das Cidades e pela CAIXA como modelo padrão a ser aplicado no Brasil. O local com área de 646.516,49 mil metros quadrados terá mais 800 casas da faixa 2 do PMCMV e 462 lotes mistos (comercial e residencial) na segunda etapa. Em outra etapa terão em torno de dois mil lotes residenciais.

Os estudantes manifestaram a curiosidade em torno do projeto e desenvolveram diversas questões para as autoridades locais, com ênfase na alteração do plano diretor para viabilizar a área de construção e no objetivo do projeto em atender a população de baixa renda do município. Após a visita na Prefeitura o grupo seguiu para o novo Distrito Industrial onde está em construção a empresa John Deere/ Hitashi.

 

Crédito: Laís Fernandes SCS/PMI

 

Comentários

Leia também...