Dia D de Combate à Dengue reúne 500 pessoas na Praça Central

A Prefeitura de Santa Bárbara d’Oeste, por meio da Secretaria de Saúde, promoveu no sábado (7) o “Dia D de Combate e Prevenção Contra a Dengue e Chikungunya”. A ação ocorreu na Praça Coronel Luís Alves (Central) e contou com a presença de aproximadamente 500 pessoas. Foram desenvolvidas várias ações, com orientações, distribuição de materiais informativos, demonstração de identificação das larvas do mosquito, além de atividades educativas com as crianças.

O coordenador da Vigilância em Saúde, Ivan Luis Carpim, avaliou a ação como importante dentro dos esforços que o município vem realizando para combater o mosquito transmissor da doença. “Identificamos nas pessoas grande interesse e envolvimento nessa campanha, com objetivo de combater a doença, diminuindo a transmissão no nosso município. Notamos que as dúvidas mais frequentes foram relacionadas ao armazenamento de água, informações sobre água parada, além de apontamentos de possíveis focos”, destacou.

Durante a ação, além das orientações e distribuição de materiais informativos, foi disponibilizado à população, sob supervisão da equipe do CCZ (Centro de Controle de Zoonoses) um microscópio, para que a população tivesse a oportunidade de conhecer a larva do mosquito, com amostras demonstrando as etapas passo a passo do seu desenvolvimento. Para as crianças, houve uma série de brincadeiras e distribuição de materiais educativos alusivos ao tema.

As atividades do “Dia D” foram promovidas pela Vigilância em Saúde e NES (Núcleo de Educação em Saúde). As ações no município têm sido permanentes e foram intensificadas desde novembro passado, por meio de articulação intersetorial com todas as secretarias municipais, buscando integrar discussões e decisões de combate ao vetor, além de aumentar o contingente de profissionais no combate à dengue.

“Evidenciamos que estamos trabalhando de maneira intensificada desde o ano passado, com envolvimento de todas as secretarias e DAE (Departamento de Água e Esgoto), procurando sensibilizar toda a população nessa ação conjunta, já que a responsabilidade de combater a dengue é de todos. Os trabalhos prosseguem com a  força tarefa, alertando também quem vai viajar para que verifique a região de destino e como está o índice de infestação local”, completou Carpim.

Foto: Marcel Carloni

Assessoria de Imprensa

Comentários

Notícias relacionadas