Câmara promove segunda edição do Prêmio Graça Camargo de Comunicação

Pelo segundo ano consecutivo, a Câmara Municipal de Santa Bárbara d’Oeste promove o Prêmio Graça Camargo de Comunicação. Instituído a partir do Projeto de Decreto Legislativo 19/2013, de autoria do vereador Fabiano Ruiz Martinez, o Pinguim (PV), esse prêmio é outorgado anualmente aos profissionais de comunicação que se destacam no exercício de suas atividades em Santa Bárbara d’Oeste.

Assim como no ano passado, o Prêmio Graça Camargo de Comunicação será dividido nas categorias jornalismo impresso, radiodifusão, televisão, fotojornalismo, assessoria de imprensa e jornalismo digital. Os profissionais premiados, um por categoria, receberão pergaminhos ou placas emitidos pela Câmara barbarense. As indicações dos nomes para o recebimento dessa premiação serão feitas pelos próprios profissionais da área, por meio de e-mails encaminhados à Diretoria de Comunicação e Cerimonial do Legislativo, até o dia 15 de março. A entrega do prêmio será realizada em Sessão Solene, no Plenário Dr. Tancredo Neves, na semana do dia 7 de abril, quando é comemorado o Dia do Jornalista.

“Esse prêmio tem o intuito de homenagear profissionais que promovem um serviço público de grande importância, levando informação à sociedade e contribuindo na fiscalização do Poder Público e de seus agentes”, explicou Pinguim, ressaltando que a escolha da jornalista Maria das Graças de Camargo se deve ao reconhecimento do trabalho que ela desenvolve no município há mais de três décadas.

O atual presidente da Câmara, o vereador Edison Carlos Bortolucci Júnior, o Juca (PSDB), também ressaltou a importância dessa categoria profissional e do reconhecimento do trabalho dos jornalistas que atuam no Município. “A imprensa é, em geral, tida como uma das mais importantes instituições que sustentam os regimes democráticos. O jornalismo fiscaliza políticos e governos, informa o cidadão, cobra, denuncia e debate temas comuns à sociedade”, explicou Juca. O vereador também elogiou a escolha do nome da jornalista Graça Camargo para a premiação. “Ela é uma profissional isenta, respeitada tanto no meio político em que atua quanto por seus colegas”, concluiu.

Formada pela Unimep, Graça Camargo ingressou no jornalismo ainda no extinto Jornal d’Oeste, em 1982, e trabalha há mais de 20 anos no Diário de Santa Bárbara. Também coordena, há quase uma década, o setor de jornalismo da Rádio Brasil AM

Comentários

Notícias relacionadas