Cozinha de centro de tratamento de Aids fecha por infestação de baratas

Funcionários do Centro de Referência e Tratamento de DST-Aids da Vila Mariana, Zona Sul deSão Paulo, encontraram baratas na cozinha do estabelecimento no início desta semana. Eles registraram a presença dos insetos e enviaram os vídeos ao SPTV. As atividades na cozinha foram suspensas.

O equipamento pertence à Secretaria Estadual da Saúde. Segundo o coordenador-adjunto do programa estadual DST/Aids, Artur Kalichman, houve uma invasão em razão do calor ou de algum serviço de dedetização vizinho.

Uma nova dedetização será feita e vai atingir áreas onde o veneno não chegava, como na parte de dentro do forro do teto. O objetivo é evitar novos problemas, segundo o coordenador. “Tentar fazer algum trabalho que previna novas infestações e vamos manter as dedetizações mensais como a gente sempre vinha fazendo”, diz Kalichman.

Na cozinha são preparadas cerca de 600 refeições por dia. No centro de referência são atendidos pacientes com doenças sexualmente transmissíveis, principalmente Aids.

G1

Comentários

Notícias relacionadas