Com gols na prorrogação, Alemanha bate Argélia por 2 a 1 e se classifica

© Getty Images

Alemanha e Argélia se enfrentaram nesta segunda-feira (30) em Porto Alegre (RS), em partida válida pelas oitavas de final da Copa do Mundo 2014, com a vitória alemã na prorrogação pelo placar de 2 a 1.

A Argélia chegou com perigo aos oito minutos, em contra-ataque de Slimani e Neuer teve de sair do gol para fazer o desarme e mesmo assim o jogador da Argélia foi para o arremate, mas sem sucesso.

A resposta alemã veio no chute de Schweinsteiger, que M’Bolhi defendeu. A Argélia procurava marcar forte e ter a posse de bola para se lançar ao contra-ataque e abrir a defesa adversária.

Ghoulam, aos 18, teve a chance de abrir o placar e mandou longe da meta de Neuer. Os argelinos continuavam pressionando e ganhando espaço em busca do contragolpe certeiro.

A Alemanha seguia tocando a bola com paciência e esperando por um caminho para chegar à meta argelina. A Argélia arriscou em sobra de lateral com Mostefa, mas a bola desviou na zaga e foi para fora.

Aos 40, M’Bolhi fez a defesa em chute longo de jogador alemão e Götze foi para o rebote, mas não conseguiu evitar nova defesa do arqueiro da Argélia. Dois minutos depois, Kroos arriscou de longe e a bola passou perto da trave da Argélia.

No começo do segundo tempo, Schürrle foi lançado na área e bateu travado, com a bola passando por cima da meta de M’Bolhi. A Argélia mantinha sua postura de apostar no contra-ataque e a Alemanha conseguia se lançar ao ataque com mais força.

Após troca de passes, Lahm bateu de primeira de fora da área e M’Bolhi conseguiu a defesa. A Alemanha tocava mais a bola e conseguia ter mais espaço para criar suas jogadas.

Aos 25, Slimani foi lançado em contra-ataque e Neuer teve de sair da área para tirar de cabeça e evitar a finalização. A Alemanha respondeu no chute de Schürrle, defendido pelo goleiro argelino.

Em chute cruzado, Feghouli quase marcou o gol da Argélia. Depois, foi a vez de Slimani arriscar e Neuer novamente fazer a defesa. A Alemanha continuava a pressionar e Müller tentou o cabeceio em jogada de Khedira, mas M’Bolhi fez a defesa. Aos 35, Müller foi lançado na área, dominou e finalizou pela linha de fundo.

Schweinsteiger tentou de cabeça aos 44 e o goleiro argelino conseguiu a defesa. A Alemanha continuou pressionando, mas o empate prevaleceu durante o tempo normal.

A prorrogação iniciou e a Alemanha abriu o placar rapidamente com Schürrle, recebendo passe de Müller e batendo cruzado sem chance de M’Bolhi defender.

A Alemanha passou a ter mais posse de bola e conseguia ir ao ataque. Özil foi lançado no campo de ataque, partiu com a bola dominada e depois de invadir a área, acabou desarmado por Halliche.

Müller, aos oito minutos, arriscou cruzado e mandou com perigo contra a meta de M’Bolhi. A Argélia teve a chance de empatar no erro de Khedira, mas Mostefa bateu para fora.

A Argélia pouco arriscou ofensivamente nos minutos finais do primeiro tempo, deixando a Alemanha tocar a bola.

Slimani bateu falta no começo da segunda etapa da prorrogação e ela foi direto para as mãos do goleiro Neuer. Os argelinos foram ao ataque e passaram a ter mais posse de bola, tentando criar chances.

A Alemanha quase marcou o segundo gol aos 11, em jogada de Müller na área que não conseguiu ser concluída. Três minutos depois, Ozil garantiu a passagem da Alemanha para a próxima fase ao aproveitar rebote da defesa argelina e marcar o segundo gol alemão.

A Argélia ainda descontou com Djabou, mas não conseguiu evitar a classificação alemã.

Ficha Técnica

Alemanha 2 x 1 Argélia

Local: Beira-Rio, Porto Alegre (RS);

Árbitro: Sandro Meira Ricci (BRA);
Assistentes: Emerson de Carvalho (BRA) e Marcelo Van Gasse (BRA);

Alemanha: Neuer; Boateng, Metersacker, Mustafi (Khedira) e Höwedes; Lahm, Schweinsteiger (Kramer), Kroos, Özil e Götze (Schürrle); Müller.
Técnico: Joachim Löw.

Argélia: M’Bolhi; Mandi, Mostefa, Halliche (Bougherra) e Belkalem; Lacen, Taïder (Brahimi), Ghoulam, Soudani (Djabou) e Feghouli; Slimani.
Técnico: Vahid Halilhodzic.

Gols: Schürrle (ALE) a 01′ do primeiro tempo da prorrogação e Özil (ALE) aos 14′ e Djabou (ALG) aos 15′ do segundo tempo da prorrogação

CA: Halliche (ALG) e Lahm (ALE)

Comentários

Notícias relacionadas