Brasil / Mundo 

Coletor de lixo é destaque na São Silvestre

Trabalhador de 28 anos chegou em 13º lugar na classificação geral e foi o 4º brasileiro melhor posicionado

 

 

Com o tempo de 47’19” (47 minutos e 19 segundos), o coletor de lixo Johnatas de Oliveira Cruz foi o 13º colocado na classificação geral da 94º Corrida Internacional de São Silvestre, realizada em 31 de dezembro na cidade de São Paulo. Johnatas trabalha desde dezembro de 2012 como coletor na EcoUrbis Ambiental, concessionária municipal responsável pela coleta de resíduos domiciliares nas zonas sul e leste da capital paulista, e participa de corridas de rua há mais de três anos. Em 2018, foi a primeira vez que ele iniciou a prova no grupo de elite. Além de ocupar o 13º lugar na classificação geral, o coletor/atleta de 28 anos destacou-se como o 4º brasileiro melhor posicionado na prova.

O bom tempo de Johnatas está relacionado com uma combinação de treinos e a própria atividade que exerce diariamente. Integrante de uma das equipes de coleta seletiva da concessionária, todos os dias, de segunda-feira a sábado, ele percorre aproximadamente 10 quilômetros em diferentes ruas na zona leste da cidade de São Paulo recolhendo os diversos materiais recicláveis (plástico, papel, papelão, etc.) que a população disponibiliza nas calçadas para posterior reciclagem.

Além de Johnatas, participaram da São Silvestre mais de dezena de coletores da EcoUrbis. Ivanildo Dias de Souza, que também trabalha na zona leste da capital paulista, foi o 25º colocado.

 

Comentários

Leia também...