Ameaçado de extinção, filhote de Aoudad é novo morador do Zoo Americana

Barbary_Sheep_Tennoji

Foto do Aoudad  adulto  Google Imagens

O Zoo Americana – Parque Ecológico Cid Almeida Franco tem um novo morador. Desde a última segunda-feira (23), dia do nascimento, já pode ser visto um filhote de Aoudad, mamífero nativo da África, no recinto. Animal ameaçado de extinção, essa é a terceira espécie a nascer nos últimos quatro anos, quando o zoológico passou a incentivar a reprodução que contempla três níveis diferentes.

Segundo o diretor do parque, Gustavo Malufe, os últimos nascimentos comprovam a eficácia e a estrutura oferecida para partos, que zera o nível de stress dos animais. “Os técnicos buscam estimular os partos através da alimentação e dos habitats dos bichos, preparados de modo a simular maior semelhança com a natureza”, comentou. Malufe acredita ainda que novos nascimentos devem ocorrer nos próximos dias.

O Aoudad, animal herbívoro semelhante a um carneiro, integra a lista vermelha da International Union for Conservation of Nature (IUCN), instituição que avalia animais em estado de conservação vulnerável, ou seja, que enfrentam alto risco de extinção na natureza. O primeiro filhote da espécie nasceu em 2011. Já o segundo foi registrado no ano passado.

Zoo Americana
Ligado à Secretaria de Serviços Urbanos, o Zoo Americana fica aberto de terça a domingo, das 8h às 17h, e está localizado na Avenida Brasil, 2.525, no Jardim Ipiranga. Diversos recintos do Parque Ecológico Cid Almeida Franco estão sendo revitalizados. As reformas fazem parte do cronograma de recuperação do local, que completará 29 anos no dia 12 de outubro. O site do parque é www.zoo.americana.sp.gov.br.

Comentários

Notícias relacionadas

Deixe uma resposta