Portal SB24Horas

Conteúdo é aqui!

5 dicas para complementar a renda em casa

Você já pensou em complementar a sua renda mensal com atividades extras diretamente da sua casa?

Essa pode ser uma ótima opção para diversas famílias, que precisam encontrar uma fonte alternativa de renda para complementar o seu orçamento mensal.

Há diversas possibilidades de negócios que podem ser feitas diretamente da sua casa, gerando bons resultados e trazendo um valor extra para suas finanças.

Muitas delas não exigem um grande investimento para que você inicie o trabalho, de modo que se tornam interessantes formas de alcançar o valor necessário para cobrir as suas despesas mensais, ou mesmo para criar uma reserva de valores para a sua família.

Por isso, esse artigo traz opções simples e práticas, para que você se inspire e encontre a melhor maneira de complementar a renda diretamente da sua casa.

Dica 01: Trabalhe com personalização de itens

Um segmento que tem crescimento e ganhado espaço como uma forma interessante de complementar a renda é o de personalização de itens.

Isso porque é muito comum que as pessoas busquem por produtos diferenciados para oferecer aos seus amigos ou clientes, sejam eles brindes, lembrancinhas ou até mesmo para quem deseja personalizar seus itens de uso cotidiano.

Nesse contexto, a impressão de etiquetas adesivas é um dos exemplos mais comuns dentro do mercado de personalizados.

Afinal, muitas empresas utilizam o produto como forma de lacrar seus produtos ou de inserir informações sobre a fabricação ou validade de maneira mais simplificada.

Itens de papelaria também são os mais pedidos. Alguns escritórios, assim como as escolas de educação infantil, geralmente contam com uma agenda para anotações, que podem servir para controle interno ou para envio de recados.

Também é muito comum que algumas empresas utilizem brindes para marcar presença na rotina dos seus clientes. 

Assim, você pode oferecer um catálogo de produtos que podem ser personalizados com o logo e o telefone do estabelecimento.

Imãs de geladeira, camisetas e camisas, canetas, canecas e até itens ainda mais específicos como chaveiros trena, podem ser utilizados para promover uma marca ou tornar uma empresa mais conhecida.

Para trabalhar nesse segmento você precisa de uma impressora sublimática e de tintas específicas para impressão em produtos de diferentes materiais.

Assim, você pode realizar o trabalho facilmente, precisando adquirir um pequeno estoque de produtos como camisetas, canecas, chinelos, cadernetas, pasta personalizada com orelha, etc.

Desse modo, conforme for recebendo os pedidos, você pode desenvolver processos internos e entregá-los de acordo com o desejo e a necessidade do cliente.

É importante criar métodos para administrar a sua rotina, realizando o cadastro de clientes, desenvolvendo um bonito catálogo de produtos, fazendo anúncios dos seus serviços nas redes sociais e utilizando um talão de pedido para anotar as suas encomendas.

Dica 02: Confeccione produtos artesanais

O mercado de produtos artesanais também é bastante valorizado e, se você possui habilidades manuais, essa pode ser uma excelente alternativa.

Você pode confeccionar os mais variados tipos de itens, tais como:

  • Roupas para bebês;
  • Tapetes e toalhas;
  • Enfeites com materiais recicláveis;
  • Utensílios de cerâmica.

As roupas para bebês podem ser feitas em crochê, sendo muito valorizadas por apresentar um tipo de tecido bastante delicado.

Há também pessoas que prezam por itens de decoração domésticos, como as toalhas, tapetes, capas de almofada e outros produtos artesanais. Isso porque eles dão um toque mais aconchegante ao local.

Você também pode aproveitar materiais recicláveis para produzir enfeites artesanais. Tampinhas de garrafa, palitos de sorvete, garrafas pet, papelão e muitos outros itens são algumas das opções mais fáceis de encontrar e utilizar na sua produção.

Os utensílios de cerâmica são produtos artesanais muito procurados para presentear pessoas queridas ou mesmo para ornamentar a decoração da cozinha de uma casa.

Essas sugestões de produtos você pode confeccionar na sua casa e vender com facilidade em diversos locais como feiras, estabelecimentos comerciais ou mesmo na internet.

Dica 03: Faça e venda marmitas

O ramo alimentício sempre foi muito aquecido, principalmente porque as pessoas buscam facilidades na hora das refeições.

Por isso, como forma de ampliar a renda da sua casa, você pode investir na confecção de marmitas para seus vizinhos, ou até mesmo fechando parceria com algum pequeno comércio.

Assim, você pode oferecer benefícios para clientes que fechem um plano semanal ou mensal com você, ajudando inclusive na sua organização interna.

Além disso, você pode combinar a entrega da alimentação na empresa, facilitando a rotina dos seus clientes, que receberão a refeição diretamente no local do trabalho.

Essas vantagens estimulam a compra e fidelizam seus clientes, principalmente quando o consumidor recebe uma marmita de qualidade e sempre fresquinha.

Nesse caso, você ainda pode acabar gostando tanto do negócio que decida investir na abertura de uma pequena empresa de buffet em domicílio, realizando eventos aos finais de semana para complementar a sua renda.

Criar um cardápio que atenda aos tipos mais comuns de festa pode ser uma boa alternativa. Rodízios de pizzas, churrasco e crepe para casamento são opções bastante comuns, que podem render bons lucros.

Dica 04: Faça e venda doces

Ainda no segmento de alimentação, uma alternativa que pode oferecer um bom resultado para complementar a sua renda familiar é a confecção de doces.

Você pode apostar no preparo de produtos simples, que podem ser adquiridos por pequenos estabelecimentos de alimentação, como uma opção de sobremesa para os seus clientes. Ou prepará-los e vender para seus amigos e vizinhos.

Outra alternativa é aceitar encomendas para festas. Entre as opções mais comuns estão os brigadeiros, pão de mel, bem casados e bem vividos, etc.

Futuramente, você ainda pode apostar no upgrade dessa atividade, fazendo um curso para aprender a preparar bolos profissionais e abrir um pequeno negócio para alavancar as suas vendas.

Dica 05: Buscar por trabalhos freelancer

Uma maneira bastante interessante de complementar a sua renda pode ser buscar trabalhos esporádicos, também chamados de freelancer.

Independentemente da sua área de atuação, é comum que algumas pessoas ou empresas contratem um determinado tipo de serviço para uma ação específica e, por isso, optam por um profissional freelancer para realizar o trabalho.  

Fotógrafos, recepcionistas, desenhistas e muitas outras profissões podem se beneficiar com um trabalho freelancer, que ajuda na complementação da renda doméstica de modo simples e rápido.

Para conhecer os serviços disponíveis, você pode se inscrever em sites da internet especializados nesse formato de trabalho e se candidatar para aqueles que forem mais interessantes para você.

Bônus: Economizar também é complementar

Tão importante quanto complementar a renda da sua casa é saber economizar e administrar a sua rotina doméstica.

Por isso, você deve desenvolver estratégias que ajudem a poupar parte da sua renda para que você possa criar uma reserva financeira.

Algumas dicas para administrar o seu lar são:

  • Evitar comprar itens desnecessários;
  • Aproveitar promoções e ofertas;
  • Verificar sempre a validade dos produtos;
  • Vender objetos que você não utiliza.

Ao evitar adquirir produtos que você não precisa, é possível poupar uma quantia interessante por mês.

Para ajudar nisso, você pode observar os itens que você utiliza na sua casa e a quantidade necessária, criando uma lista de compra mensal.

Assim, você evita adquirir os artigos que não estão na sua lista e economiza uma boa quantia com essa atitude.

Além disso, aproveitar as ofertas e promoções oferecidas nos estabelecimentos próximos da sua casa pode trazer benefícios financeiros para a sua família.

Não se esqueça também de verificar a data de validade dos itens antes de comprá-los, evitando desperdícios.

Além de economizar, você pode aumentar a sua renda vendendo objetos que você possui, mas que não utiliza. Desse modo, é possível ganhar mais espaço em casa e receber um valor extra por isso.

Reserva de emergência e investimentos

Você já ouviu falar em reserva de emergência? Ela se trata da quantia necessária para cobrir os seus gastos mensais por um período entre seis meses e um ano.

Ou seja, para qualquer situação imprevista, você possuirá um valor guardado para cobrir suas despesas, evitando que você entre em dívidas.

A sua reserva de emergência pode ser aplicada em um investimento, que vai render juros, trazendo vantagens para você.

Além disso, ao realizar os serviços para complementar sua renda, você pode se comprometer a aplicar mensalmente uma quantia, para que o dinheiro investido vá gerando cada vez mais lucros.

Desse modo, além de manter um valor guardado, você ainda será beneficiado com a aplicação, obtendo um valor extra e aumentando a sua reserva gradativamente.

Por isso, você deve se empenhar em três pontos principais: economizar, complementar e investir, fazendo com que o seu orçamento familiar possa ser otimizado, proporcionando uma boa administração financeira para o seu lar. 

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.