“Zera Fila Saúde” na UBS São Fernando completa um mês

 

O novo sistema de atendimento na Saúde implantado na UBS do Jardim São Fernando completou um mês com resultados positivos. O novo modelo faz parte do Programa “Zera Fila da Saúde” que visa qualificar o atendimento e prestação de serviços da Saúde de Santa Bárbara d’Oeste, reduzindo filas históricas de exames e consultas e agilizando a distribuição de medicamentos por meio de farmácias particulares, entre outras ações.

 

No período de 30 dias foram registrados 3.650 procedimentos, entre consultas médicas, atendimentos de Saúde Bucal e exames diversos. No mesmo período, 212 pacientes foram direcionados para outras unidades de referência, onde tiveram suas consultas marcadas.

 

A inovação deste atendimento permite mais humanização no acolhimento à população, onde os agentes comunitários de Saúde visitam os pacientes por meio do Programa Saúde da Família e os trazem para a unidade. Nela há atendimento de médicos generalistas, pediatras, ginecologistas e equipes de enfermagem.

 

“Nesses 30 dias de alteração no modelo de assistência ofertada na UBS São Fernando, o qual oportuniza que cerca de 70% dos usuários obtenham êxito no atendimento médico no dia, pudemos constatar alto grau de satisfação da população local”, disse a secretária de Saúde, Lucimeire Coelho Rocha. “O prefeito Denis Andia vislumbrou esse formato de atendimento, que se mostrou muito efetivo, de modo que já estamos estudando a ampliação desse formato para outras unidades. O trabalho é complexo, há muito planejamento e queremos que todos os procedimentos estejam implantados em todas as unidades até o final de 24 meses”, complementou.

 

A próxima unidade a implantar esse novo modelo será a UBS do Jardim Esmeralda que está em fase final de reforma e ampliação. Um a um, os postos médicos de Santa Bárbara adotarão o novo sistema de atendimento, possibilitando que os pacientes resolvam seus problemas na própria unidade, facilitando a vida do barbarense e desafogando os atendimentos de urgência e emergência.

Comentários

Notícias relacionadas