Portal SB24Horas

Conteúdo é aqui!

Volta às aulas: aumento de quase 300% assusta pais na hora de comprar o material escolar

Material Escolar

Ações simples podem ajudar a economizar; fintech dá dicas 

Para a maioria dos brasileiros, o ano começa com muitas contas. E para os pais, além da rematrícula da escola, uma das principais despesas está relacionada à compra do material escolar. Segundo pesquisa realizada pelo Procon-SP o preço do material em São Paulo pode variar 300% – eles analisaram os valores de 126 produtos em oito lojas. Por exemplo, o preço do estojo de giz de cera com 12 cores chegou a 266% – de R$ 1,50 para R$ 5,50. A maior diferença foi na borracha branca, com um aumento de 333% – ficou entre R$ 0,60 e R$ 2,60.

Pensando em ajudar os pais a se organizarem, a Simplic – primeira fintech a oferecer empréstimo 100% online a pessoas físicas – separou cinco dicas de como economizar na compra do material escolar do seu filho. Leia abaixo.

1 – Reaproveite materiais antigos

Antes de ir às compras, veja em casa se não “sobrou” alguns materiais do ano passado. Sempre tem aquele caderno que não usou inteiro, canetas e lápis que podem ser aproveitados. Também podem usar alguns materiais que não estragam tão rápido assim, como: tesoura, apontador, grampeador, régua, etc. Livros antigos também podem servir de doação para outros alunos

2 – Faça pesquisas 

Realizar pesquisas em sites de buscas é sempre uma ótima opção – você consegue comparar os valores e às vezes até fazer a compra online. Guardar panfletos de lojas também pode ajudar na análise dos preços, além de tê-los em mãos, o estabelecimento é obrigado a cumprir com os valores divulgados – segundo o Código de Defesa do Consumidor.

3 – Compre com antecedência

Faça compras um tempo antes do retorno às aulas. Normalmente, quando está próximo algumas papelarias e lojas costumam subir os preços do material escolar. Comprando com antecedência, você garante materiais até de primeira linha com um melhor custo-benefício. 

4 – Compras coletivas

Nessa época os pais estão com o mesmo propósito: economizar com a compra dos materiais – por isso, uma boa sugestão é se organizar com eles e ir até uma única papelaria juntos. Algumas lojas dão descontos para compras em grupo e grandes quantidades. 

5 – Financie a compra

Muitos pais não conseguem fazer as compras por conta de todos as dívidas do início do ano e com isso, procuram por outra alternativa para resolver essa situação. Uma opção são as fintechs, por exemplo, a Simplic. Ela oferece crédito rápido e seguro e 100% online. O processo é bem simples: o cliente faz a simulação de crédito no site pelo computador ou celular. O cadastro não leva nem 5 minutos e ele fica sabendo na mesma hora se está pré-aprovado e pode receber o dinheiro na conta em menos de 24 horas. 

Comentários