SB24Horas

Notícia na hora certa!

Vereadora Professora Juliana sugere vacinação em esquema híbrido, unindo agendamento e livre demanda

A vereadora Professora Juliana (PT)

 

A vereadora Professora Juliana (PT) protocolou na secretaria da Câmara de Americana uma indicação sugerindo à prefeitura que estude a possibilidade de adotar um sistema híbrido na vacinação contra a Covid-19, possibilitando a imunização por meio de agendamento em determinadas unidades de saúde e a vacinação por livre demanda em outras.

 

De acordo com a vereadora, desde o início da semana o gabinete tem recebido reclamações de pessoas que tentaram se vacinar nas unidades básicas de saúde, mas acabaram ficando mais de três horas aguardando, sem conseguir o imunizante. Segundo a parlamentar, a demanda aumentou consideravelmente nesse início de ano e é preciso oferecer alternativas para a população.

 

“Ano passado, quando a demanda era baixa, nós indicamos a livre demanda e funcionou bem, mas agora, após uma semana sem vacinação na cidade, existe uma demanda reprimida muito grande e a procura aumentou. Então é preciso rever o sistema da vacinação para que as pessoas não se sintam desestimuladas a se imunizar”, disse a vereadora.

 

Juliana destacou que em algumas cidades da região têm sido adotado o sistema híbrido, em que a secretaria municipal de Saúde oferece a vacinação em livre demanda em alguns pontos e a vacinação por agendamento em outros.

 

“Para algumas pessoas, agendar é melhor. Para outras, a livre demanda funciona. Então o ideal seria oferecer os dois formatos. O mais importante é que as pessoas consigam acesso à vacina, que é a única arma que temos contra a Covid-19 e tem salvado muitas vidas”, disse.