SB24Horas

Notícia na hora certa!

Vereadora Professora Juliana sugere vacinação contra Covid-19 sem agendamento

A vereadora Professora Juliana protocolou na secretaria da Câmara de Americana uma indicação para que a prefeitura de Americana estude a possibilidade de realizar a vacinação contra a Covid-19 sem a necessidade de agendamento prévio, no sistema chamado de livre demanda, com objetivo de acelerar a imunização da população na reta final da campanha.

 

De acordo com dados do vacinômetro da prefeitura disponível no site oficial do município, atualizados no dia 30 de outubro, 90% da população vacinável já recebeu a primeira dose, enquanto 78% recebeu a segunda dose ou dose única.

 

“Americana fez um trabalho louvável na campanha da vacinação, atingindo um bom percentual de imunização da população, mas nessa reta final temos visto uma série de municípios adotando o sistema de livre demanda, em que o munícipe pode ir até o ponto de vacinação no horário que for mais conveniente, sem ter a necessidade de agendar a aplicação na véspera como tem sido atualmente, então estamos indicando que a prefeitura, por meio da Secretaria de Saúde, estude essa possibilidade”, explicou a vereadora.

 

De acordo com a parlamentar, um exemplo de abertura de vacinação por livre demanda é o de Hortolândia, que até outubro vacinava somente por agendamento e, após atingir uma porcentagem considerável da população imunizada, aderiu ao sistema com objetivo de facilitar para que as pessoas que ainda não se vacinaram recebam a primeira dose do imunizante.

 

“O número de pessoas que não se vacinaram ainda é baixo, então abrir a livre demanda, com uma divulgação massiva da importância de receber o imunizante, poderia acelerar ainda mais a cobertura vacinal na nossa cidade”, sugeriu a parlamentar.

 

A indicação será relacionada na pauta da sessão desta quinta-feira (4) e encaminhada ao Executivo para análise.