Portal SB24Horas

Conteúdo é aqui!

Vereadora Professora Juliana pede explicações sobre lote de vacinas vencidas no município

Professora Juliana (PT)

Americana

 

A vereadora Professora Juliana (PT) protocolou na secretaria da Câmara Municipal de Americana um requerimento em que pede informações sobre a aplicação de vacinas vencidas na campanha de combate à Covid-19.

 

No documento, a parlamentar relata que foi noticiado pela imprensa que informações do DataSus (Ministério da Saúde) apontavam a existência de lotes de vacina AstraZeneca enviados aos municípios fora do prazo de validade e que estariam sendo ministradas em cidades na região de Campinas, entre elas Americana.

 

“Segundo informações da assessoria de imprensa da Prefeitura, Americana não fez nenhuma aplicação de vacina vencida. Em relação as 17 doses de vacina que teriam sido usadas fora do prazo de validade, a Vigilância Epidemiológica fez contato com os moradores que receberam e constatou que o número do lote não corresponde ao informado no sistema, ou seja, o que houve foi erro de digitação. Notando parte da população preocupada, entendemos ser necessária ampla divulgação de informações oficiais detalhadas”, aponta a vereadora.

 

No requerimento, Juliana questiona o que gerou a divergência entre o número de lote registrado no cartão de vacinação e o número registrado no sistema Vacivida. Pergunta também quantos tablets foram recebidos para o registro dos dados no sistema e como era feito o registro da vacinação antes deles.

 

A parlamentar questiona ainda se o registro de dados está sendo feito no ato da aplicação da vacina ou em outro momento e qual foi o procedimento de checagem para confirmar que as 17 doses aplicadas não estavam vencidas. O requerimento será discutido e votado pelos vereadores em Plenário na próxima sessão ordinária, que acontece nesta quinta-feira (8).