Brasil / Mundo Esportes 

Varela/Gugelmin fecha Rally Dakar no pódio em terceiro

Dupla campeã de 2018 carimba a faixa dos novos donos do título, Chaleco Lopez/Alvaro Quintanilla, com a vitória na ultima etapa do evento; já Bruno Varela/Maykel Justo não completa prova após abandonar no penúltimo dia.

 

Depois de assumirem a liderança do Rally Dakar 2019 por duas vezes e perdê-la na mesma velocidade por conta de problemas mecânicos, Reinaldo Varela e Gustavo Gugelmin não conseguiram manter a faixa de campeões por mais um ano, mas carimbaram a dos novos detentores do título, Chaleco Lopez e Alvaro Quintanilla, com uma vitória na décima e última etapa no Peru, ficando em terceiro no geral.

“Fomos bem. Perdemos para nós mesmos. Quebrei o carro, furei pneu, mas nosso UTV em si não teve problema nenhum, foi até o fim. Hoje eu andei realmente forte e foi tudo maravilhoso. Terceiro lugar depois de tudo está justo. Vamos agora pensar em 2020 e refletir onde erramos para melhorar e vencer no ano que vem”, destaca o piloto da Monster Energy Can-Am.

Já Bruno Varela e Maykel Justo podem não ter ganhado nenhum troféu, mas levariam com sobra o prêmio de dupla mais solidária do rali no primeiro Dakar da vida dela. Apelidada internamente de “Madre Tereza de Calcutá”, a dupla ajudou praticamente todos os compatriotas quebrados na competição após terem seus planos arruinados pelas arapucas do Dakar.

“Problemas mecânicos faltando 100 quilômetros fizeram o motor travar por falha de água, estava vazando uma mangueira, e não conseguimos arrumar. Como estavamos em uma região de muitas dunas, não conseguimos ser resgatados, nem pegar os waypoints, e terminamos fora”, completa Bruno.

No total, foram dez dias de competição e 5.603 quilômetros percorridos dentro do Peru, sendo 2.961 deles de trechos cronometrados, passando pelas cidades de Lima, Pisco, Arequipa, Tacna, Moquegua e San Juan de Marcona.

Resultado da última etapa
1.R. Varela/G. Gugelmin (BRA/Can-Am), 1h25min09s
2.C. Baumgart/B. Andreotti (BRA/Can-Am), a 3min39s
3.C. Lopez/A. Quintanilla (CHI/Can-Am), a 6min10s

Acumulado geral:
1. C. Lopez/A. Quintanilla (CHI/Can-Am), 42h19min05s
2. G. Guell/D. Carreras (ESP/Can-Am), a 1h02min35s
3. R. Varela/G. Gugelmin (BRA/Can-Am), a 1h05min19s

 

 

Comentários

Leia também...