Sertran tem até Dezembro para construir 180 abrigos em pontos de ônibus


Em resposta ao requerimento do vereador José Antonio Ferreira, o Dr. José (PSDB), sobre o cumprimento do contrato de concessão do transporte coletivo urbano pela Sertran com relação à construção de 200 abrigos em pontos de ônibus, a Prefeitura informou que até agora a empresa construiu apenas 20 unidades, ou seja, 10% do total previsto em contrato.

Esses 20 abrigos foram instalados em nove pontos da área central e 11 dos bairros periféricos. Os 180 abrigos que faltam precisam ser instalados até dezembro deste ano conforme prevê o contrato administrativo nº 108/2013. Se a empresa concessionária não cumprir o estabelecido em contrato, será penalizada, mas a Prefeitura não informou quais seriam essas penalidades.

A Secretaria de Administração e o Departamento de Transporte informaram que há um cronograma de locais e prazos de instalação dos abrigos no município, que estão de posse da empresa concessionária. A maioria dos abrigos será instalada em pontos nos bairros em praticamente todas as regiões da cidade, onde há maior concentração de passageiros.

A empresa Sertran (Sertãozinho Transportes), de Sertãozinho (SP), assinou contrato com o município por 20 anos, podendo ser prorrogado por mais 10 anos, se necessário. Por ocasião da assinatura de contrato, em dezembro de 2013, a empresa concessionária deveria investir cerca de R$ 16 milhões na aquisição de veículos, instalação de abrigos, bilhetagem eletrônica e implantação de uma garagem com área mínima de 10 mil metros quadrados.

“A empresa iniciou a instalação dos abrigos e interrompeu os serviços, prejudicando os usuários que ficam nos pontos de ônibus sob sol e chuva, sem o mínimo de conforto”, afirmou Dr. José, lembrando que a empresa deveria instalar 8,33 abrigos por mês na cidade no prazo de 24 meses.

Comentários

Notícias relacionadas