Portal SB24Horas

Conteúdo é aqui!

Santa Bárbara d’Os Deputados.

Há muitos anos, uma única pergunta martela a cabeça do barbarense apaixonado pela cidade: Quando teremos a honra de ver um deputado de nossa cidade nos representando em São Paulo ou em Brasília? Esta pergunta, como uma nuvem de poeira, paira por sobre a cidade e parece aumentar a cada dia que se passa e principalmente, a cada dia que se aproxima das eleições do ano que esta por vir.

Como espectadores, acompanhamos diariamente as demais cidades da região se desenvolvendo, trazendo investimentos aos cidadãos e aproximando ainda mais os seus índices nos níveis de cidades de primeiro mundo, enquanto isso, nós, meros coadjuvantes na região, assistimos grandes empresas deixarem o município e empresas que poderiam enxergar Santa Bárbara como uma cidade promissora, trocando nossas terras, por terras próximas e menos aproveitadoras.

O presente dado a nós, pelo Governo do Estado, através de seu “General Mor”, Geraldo Alckmin, o mesmo que disse certa feita que nosso município situava-se na esquina do desenvolvimento do Brasil, foi uma penitenciária na esquina do município, transformando o que seria a esquina do desenvolvimento, a esquina das possibilidades negativas e o mais aterrorizante nisso tudo, é que tal penitenciária, ficará no município vizinho e todos os benefícios fiscais e incentivos do Estado, serão revertidos à cidade de Limeira (que por sinal fica há mais de 30 km do local de instalação) e os prejuízos decorrentes deste presente serão revertidos à Santa Bárbara (pasmem, há menos de 3 km do local de instalação).

Para que a população saiba da importância de um deputado barbarense, a penitenciária acima mencionada, seria instalada na divisa de Americana com Limeira, mais precisamente ao lado do bairro Zanaga, porém, em território limeirense, MAS, os deputados de Americana, aqueles que você já os conhece, Cauê Macris, Vanderlei Macris, Chico Sardelli e Antônio Mentor, se mobilizaram ante o clamor da população da cidade que os elegeram e mais do que rápido apelaram ao Governador do Estado que atendendo suas reivindicações, mudou o local da penitenciária, deixando a nós barbarenses este maravilhoso presente do PSDB.

Com o anúncio da instalação de tal penitenciária praticamente em nossas terras, estes mesmos deputados, que vieram à Santa Bárbara, foram à sua residência e pediram o seu voto, se omitiram, alguns até se manifestaram contrários à decisão do governador, porém, do esforço feito para afastar este presente de Americana, não realizaram 10%. O deputado filho, que levou mais de 6.000 votos barbarenses em 2010, como um mágico, toda vez que o assunto é tratado ele some e aparece uma vez a cada seis meses, com a ajuda de alguns vereadores de seu partido e mais um que nem de seu partido é, com verbas de valores ínfimos (que apesar de ser necessária para as entidades) não preenchem o vazio da população, o vazio de ajuda que Santa Bárbara precisa e o nosso povo necessita. O pior é ver que os representantes do povo barbarense na Câmara Municipal, se curvam e até “bancam” matérias em jornais distribuídos de bairro em bairro, elogiando e enaltecendo as migalhas advindas de tal deputado e colaboram para que Santa Bárbara permaneça neste marasmo que se encontra, ludibriando o povo e fazendo-o crer que este realmente se preocupa com a nossa situação.

Estamos próximos do fim de 2013 e estas figuras americanescas e de outras cidadelas do Estado, começaram a jorrar por estas terras, como lagartos em coqueiro na primavera e como sempre fazem, tentarão ganhar seu voto, com fotos lindas, cabelos bem penteados, palavras doces, informando-lhe que foram os melhores deputados que já passaram pelo mundo e que mudaram a nossa cidade que há mais de 30 anos, permanece estagnada.

Para muitos que não conhecem o passado, nossa cidade já teve um representante na Assembléia Legislativa do Estado, porém, por um curto período, pois, logo se ausentou para cuidar de seu ego pessoal, assim, largou a chance de nos colocar no cenário paulista para aproveitar a chance de voltar a ser prefeito da cidade e mais uma vez, presenciamos algo que ocorre até os dias de hoje, o ego em primeiro lugar, se sobrar um tempinho, Santa Bárbara se sobressalta.

2014, ano de Copa do Mundo, ano que tende a ser um dos mais importantes da história do país, mas também, ano que pode ser o mais importante da história de Santa Bárbara d’Oeste, pois, mais uma vez, teremos a chance de colocarmos um membro de nosso município nas altas cabeças dos governos estadual e federal. Seria importante para a nossa cidade que os candidatos chegassem a um consenso entre eles e passassem por cima do ego e das questões partidárias chegando ao acordo de posicionar ao crivo da população apenas dois nomes, para federal e estadual, para enfim, termos chances de chegar a alcançar o posto que Santa Bárbara precisa, o posto principal nas decisões e discussões que afetarão o futuro da nossa cidade e o futuro do nosso povo. Enquanto isso não ocorrer, presenciaremos deputados americanescos sendo eleitos com o nosso voto e esta linda cidade ficar sem representante por mais quatro anos, por mais quatro anos, por mais quatro anos e por mais quatro anos.

LEO TOFFANETO – RADIALISTA E BACHAREL EM DIREITO

Comentários

Dennis Moraes