SB24Horas

Notícia na hora certa!

Santa Bárbara d´Oeste terá Campus da FAM – Investimento de R$ 30 milhões

O prefeito de Santa Bárbara d’Oeste, Rafael Piovezan, anunciou nesta sexta-feira (17) a abertura de um campus da FAM (Faculdade de Americana) no Município. Em 2022 a Faculdade retomará o seu projeto de instalação de uma unidade em Santa Bárbara, com investimento de R$ 30 milhões. A previsão é que as atividades tenham início em 2023.

O campus Santa Bárbara da FAM está localizado às margens da Rodovia Ernesto de Cillo, na região do bairro Santa Rita, e tem 6 mil metros quadrados de construção. A Faculdade oferecerá cursos nas áreas de exatas e gerenciais como Direito, Administração, Engenharias, Tecnólogos em Marketing, Finanças e Logística – além da possibilidade da expansão para novas graduações.

Nesta quinta-feira (16), o prefeito Rafael Piovezan recebeu em seu Gabinete o diretor da FAM, Gustavo Azzolini, em agenda que contou com a participação do vice-prefeito, Felipe Sanches, e do presidente da Câmara Municipal, vereador Joel Cardoso – Joel do Gás.

“Essa é mais uma grande notícia para Santa Bárbara d’Oeste. A FAM iniciará em 2022 todo o processo de obras e trâmites necessários para que em 2023 a unidade abra as suas portas em nossa cidade. A vinda de uma instituição de Ensino Superior reflete todo o desenvolvimento que Santa Bárbara d’Oeste está passando. É algo de fundamental importância para o Município e que completa tudo aquilo que temos visto nos demais segmentos. É geração de emprego e renda, é qualificação do mercado de trabalho, por meio de quem deseja cursar o Ensino Superior”, comentou o prefeito Rafael Piovezan.

Segundo a instituição, a Faculdade de Americana acredita na retomada da economia e no crescimento da cidade, ampliando sua participação no setor educacional de nível superior na região. “Tudo depende agora de tramitação no Ministério da Educação. Estamos aguardando ansiosamente a retomada das avaliações realizadas pelo MEC e assim dar sequência aos processos e iniciar nossas atividades”, disse Gustavo Azzolini.