Santa Bárbara d´Oeste sedia encontro regional de Saúde Mental

Santa Bárbara d’Oeste sediou na última terça-feira (2) a reunião mensal da Rede de Atenção Psicossocial (RAPS) da Diretoria Regional de Saúde (DRS) 7 – Campinas. O encontro ocorreu no CAPS (Centro de Atenção Psicossocial), órgão vinculado a Secretaria de Saúde. Na ocasião, além dos representantes da DRS, articuladores de diversos municípios da Região Metropolitana de Campinas (RMC) estiveram presentes.

A reunião teve como objetivo discutir, avaliar e fortalecer políticas públicas em saúde mental, com base no modelo de Atenção Psicossocial proposto pelo Ministério da Saúde. Segundo o coordenador do Programa de Saúde Mental no município, Alexandre Ceconello Marinho, sediar essa reunião pela primeira vez simboliza a implicação do Programa Municipal de Saúde Mental na implantação e avaliação constante dos serviços do município.

“Santa Bárbara d’Oeste tem sido uma referência regional na realização de uma reforma psiquiátrica, a partir do modelo de atenção psicossocial. Sediar a reunião da RAPS significa que o município tem tido visibilidade em relação a toda essa construção. Além disso, temos buscado parcerias para viabilizar tudo o que ainda necessita ser implementado para melhorar ainda mais a assistência em Saúde Mental na cidade”, ressaltou.

Os serviços de Saúde Mental do município, vinculados à Secretaria de Saúde de Santa Bárbara d’Oeste, estão localizados no CAPS (Centro de Atenção Psicossocial) II e Saúde Mental na Rua Floriano Peixoto, 5, Vila Balan (próximo ao Centro Social Urbano. O CAPS II é responsável pelo atendimento às demandas de adultos, não relacionadas ao uso de álcool e outras drogas. No Núcleo AD, é feito acompanhamento de usuários com demandas graves, devido o uso de álcool e outras drogas. Já o Núcleo Infantil realiza acompanhamento de crianças e adolescentes com demandas graves em saúde mental.

Luta Antimanicomial

A Secretaria de Saúde de Santa Bárbara d’Oeste, por meio do Programa de Saúde Mental e NES (Núcleo de Educação em Saúde), promoveu em maio o 2º Evento da Luta Antimanicomial, na Estação Cultural. Diversos profissionais da área e população interessada, além de usuários e familiares dos serviços de Saúde Mental do município participaram do evento. Com o tema “Liberdade é o Melhor Cuidado!”, a ação teve debate do articulador da Atenção Básica do Ministério da Saúde, Érico Marcos Vasconcelos, do professor supervisor de Psicologia da UNESP – Bauru, Edson Olivari de Castro, e do secretário de Saúde do município, Dreison Iatarola.

Assessoria de Imprensa

Comentários

Notícias relacionadas