Saiba mais sobre a importância do filtro solar

Crédito: wavebreakmedia

Durante o verão, as pessoas precisam redobrar os cuidados quando forem se expor ao sol. Isso porque nesta época do ano, há maior incidência de raios ultra violeta que podem provocar câncer de pele.

Segundo a chefe do Departamento de Dermatologia do Hospital Federal de Ipanema, Rio de Janeiro, Alice Buçard, evitar a exposição ao sol e usar o protetor solar são as principais formas de proteção da pele. “O principal cuidado é evitar a exposição ao sol, tentar usar um filtro com fator de proteção solar no mínio de 30, mesmo os pacientes de pele mais morena, tentando reaplicar a cada duas a três horas. Nas crianças, a orientação cada vez maior é usar a proteção física mesmo. Com camisetinha, com chapéu o máximo de tempo possível. O filtro tem que ser um hábito como escovar os dentes. Proteção mesmo.Porque mesmo que a gente ache que está 100% protegido, na verdade a gente nunca está, porque a gente está pegando a radiação que reflete das superfícies que estão em volta”. explica.

A secretária Suely Rocha, de 53 anos, tem a pele bem clara. Ela conta que não abre mão do filtro solar depois que sofreu uma queimadura grave provocada pela exposição excessiva ao sol. “Eu sou muito branca. Eu tenho que usar protetor solar, não tem como, até para evitar o envelhecimento da pele. Eu evito me expor ao sol. Não posso de maneira alguma ficar no sol, porque eu sou branca demais e já tive até queimadura de terceiro grau na minha pele por conta do sol. Então, é creme direto, o tempo todo tomando água para hidratação e proteção solar”, conta.

A chefe do Departamento de Dermatologia do Hospital Federal de Ipanema, Alice Buçard, lembra também que as pessoas devem ter atenção na hora de aplicar o filtro solar. Segundo a especialista, nenhuma área do corpo deve ficar desprotegida. “No dia a dia é a gente tentar proteger as áreas expostas. Lembrar sempre nos homens de proteger área de orelha, nos homens alvos o couro cabeludo com boné, com o chapéu, no dia a dia de quem caminha, de quem se expõe mais ao sol. Tentar fazer uma exposição regular. De manhã você não escova os dentes antes de sair de casa? Então passe o filtro solar nas áreas que estão com expostas ao sol diariamente. Na hora do almoço, quem sai para almoçar fora, pessoas que moram em casa e tem exposição ao jardim, na varanda é tentar reaplicar o protetor solar pelo menos no meio do dia”, recomenda.

Para reduzir os riscos de câncer de pele, o Ministério da Saúde recomenda evitar a exposição ao sol com maior incidência de raios ultravioleta, que vai de dez da manhã até às quatro da tarde.

 

Fonte: Diane Lourenço / Web Rádio Saúde

Comentários

Notícias relacionadas