qua. jan 29th, 2020

Portal SB24Horas

Conteúdo é aqui!

Romi-Isetta 60 anos é o tema 2016 do Cedin


Mais de 100 alunos irão se deliciar nas atividades no Jardim I e II do Centro de Vivências do Desenvolvimento Infantil da Fundação Romi.

Fevereiro marca o início das aulas do CEDIN, a escola infantil da Fundação Romi. Mais de 100 alunos matriculados nos Jardins I e II. E, para isso, a equipe do CEDIN ambientou a escola para receber os alunos novos e regressos, com a temática “meios de transportes” com ênfase para o Romi-Isetta – o primeiro automóvel brasileiro.

Um café da manhã reforçado, sessão de cinema, gincana, contação de histórias e passeio na “floresta do lobo” – como as crianças se referem ao espaço verde da instituição – são as primeiras ações para imersão dos pequenos no fantástico mundo da educação infantil.

Segundo a Diretora do CEDIN, Luciana Bueno Bruscagin, “o receptivo divertido, em um ambiente todo fantástico, quebra o medo do novo. Novos espaços, novas rotinas, novas regras e novos amigos. E este ano, o tema escolhido visa a levar a criança a imaginar, criar e transformar, resgatar a cultura da infância dando ênfase ao brincar; desenvolver sua autonomia e capacidades cognitivas nas quais, as atividades propostas aos alunos, instigam situações de aprendizagem voltadas ao desenvolvimento da alfabetização básica, autonomia e aproximação com o universo infantil.”

Para a Coordenadora do Centro de Vivências do Desenvolvimento Infantil, Rosana Buoso, “a ambientação é importante, pois cria espaços lúdicos dentro das dependências internas e externas do CEDIN, enfatizando a influência dos meios de transportes para o desenvolvimento do município e para a vida das pessoas, inclusive, a das próprias crianças. O Romi-Isetta será o personagem principal de uma série de ações pedagógicas, criadas para ressaltar a importância dos meios de transportes para o desenvolvimento social; identificar e reconhecer os diferentes tipos de transportes e sua utilização; reconhecer os sinais de trânsito, placas de sinalização, faixas de pedestres e semáforos; conhecer e diferenciar ruas, avenidas, logradouros, etc.; e, conhecer parte da história de Santa Bárbara d´Oeste através da evolução do meios de transporte.”, relata Rosana.

E continua, “trabalhar junto às crianças a história de Santa Bárbara d´Oeste, sob a ótica da evolução dos meios de transporte, ressaltando a importância do Romi-Isetta para o município, só foi possível através do apoio e, principalmente, do acervo sob a guarda do Centro de Documentação Histórica da Fundação Romi”.

As ações planejadas buscam transportar, em tom de diversão, a criança para um mundo lúdico e, a partir desse encontro entre o real e o imaginário, trabalhar, através dos educadores, seus sentimentos. Fazê-las apreciar a escola, ensiná-las a aprender a ouvir e falar, incentivá-las à contação de histórias, partilhar brinquedos, compartilhar espaços, objetos, sentimentos e emoções. Esse conjunto de ações planejadas pela equipe do CEDIN para 2016, que envolve aulas e tarefas, teatro, música, cinema, brincadeiras e uma alimentação balanceada e saudável, garante aos alunos bem-estar e disposição para desfrutar todo o período de uma escola que prima pela formação integral da criança, prioritariamente aqueles em situação de vulnerabilidade social.

 

 

 

Comentários

Dennis Moraes