24Horas Santa Bárbara d´Oeste 

Rock in Rio: Mallu Magalhães amadurece, mas faz show morno com Banda Ouro Negro

Cantora apresentou músicas de Moacir Santos no palco Sunset do festival

Mallu Magalhães amadureceu, isso ninguém pode negar. Bem mais magra, elegante, maquiada, a mulher de Marcelo Camelo, ex-Los Hermanos, subiu ao palco Sunset no fim da tarde desta sexta-feira (20), quinto dia de Rock in Rio para cantar para o público que estava jogado no gramado do local. Nos primeiros acordes, é possível notar também um amadurecimento vocal da jovem. Mesmo assim, ainda falta muito.

 

Show de Mallu Magalhães no Rock in Rio 2013. Foto: Vivian Fernandez

A banda de Mallu tem alta qualidade técnica, os arranjos são perfeitos para embalar o fim de tarde calmo no Sunset, as letras são poeticamente deliciosas, mas a voz divide opiniões. Só quando Mallu chamou ao palco a Banda Ouro Negro, sob comando do maestro Mario Adnet, é que a coisa engrenou.

No repertório do encontro musical, Mallu cantou composições de Moacir Santos. “Vamos celebrar esses presentes que o Moacir fez para nós”, disse a cantora, que pareceu mais solta do que quando apresentou suas próprias canções. Mallu é fofa, quer a todo momento agradecer ao público presente. Ela rebolou, tentou dançar um pouco desengonçada e soltou os cabelos, o que causou gritinhos das “malluzetes” do gargarejo.

Alguns probleminhas técnicos empacaram mais o show. Mallu pediu auxílio no retorno e Adnet, por vezes, ficou sem som no microfone principal para falar com a plateia. “Ufa, agora vai”, brincou ela. Já a Ouro Negro conseguiu cumprir a difícil tarefa de prender o público jovem por três músicas apenas com o instrumental. A cena foi linda de ver. “Velha e Louca”, de Mallu, fechou a brincadeira com coro dos fãs. “Vocês estão gostando? Ai, que bom”, disse a garota.

 

IG

Comentários

Leia também...

Deixe uma resposta