Promoção Social realiza curso para formação de promotoras legais populares

O CEU (Centro de Artes e Esportes Unificados) de Santa Bárbara d’Oeste receberá, a partir de maio, o curso para promotoras legais populares, ministrado pela Associação de Promotoras Legais Populares “Cida da Terra”, de Campinas e Região. As aulas serão voltadas às moradoras do Acampamento Zumbi dos Palmares e às vinculadas ao Conselho Municipal de Defesa e Proteção dos Direitos da Mulher para a capacitação sobre justiça, direitos e equipamentos sociais de atendimento e defesa dos direitos humanos de trato no combate à violência. A iniciativa foi acertada em reunião, na última sexta-feira (7), entre Administração Municipal, Conselhos da Mulher e Tutelar e DDM (Delegacia de Defesa da Mulher).

 

O curso será realizado pela Prefeitura, por meio da Secretaria de Promoção Social, para 40 mulheres com duração de 72 horas, aos sábados. “O objetivo é fazer com que as mulheres exerçam um novo papel social com liderança e facilitadoras no contato da população com o Poder Público em geral e com o Poder Judiciário, mais especificamente.  É importante que a mulher seja interlocutora, agente de transformação de sociedade e defensora dos seus diretos”, disse a secretária, Maria Cristina da Silva. “A Secretaria irá custear todo material didático. A Associação dará o curso de forma voluntária”, completou.

 

O projeto Promotoras Legais Populares consiste num curso popular de Educação em Direitos visando o empoderamento de mulheres de comunidades para serem células multiplicadoras  do acesso  a justiça, acesso equipamentos de defesa de mulheres em situação de vulnerabilidade e compromisso com a defesa dos Direitos Humanos das Mulheres. O projeto nasceu em países da América Latina e veio para o Brasil em 1992 através da União de Mulheres de São Paulo e da ONG Themis do Rio Grande do Sul.

 

Assessoria de Imprensa

 

Comentários

Notícias relacionadas