fbpx

Portal SB24Horas

Conteúdo é aqui!

Procura por alimentos refrescantes aumentam nesse verão

Ceasa Campinas registra aumento na procura por alimentos refrescantes

 

A procura por frutas refrescantes aumentou na Ceasa Campinas. O motivo é a forte onda de calor das últimas semanas. A gerência do Mercado de Hortifrútis registra aumento de até 7,5% na comercialização de alguns produtos em relação ao mesmo período do ano passado.

A melancia foi o produto que teve o maior aumento, chegando ao número expressivo de 7,5%, seguido do coco verde com, 0,44%. Alguns produtos tiveram queda em sua procura. É o caso do abacaxi, que registra queda de 56%, e da laranja, de 28,88%. A diminuição na demanda dos produtos também refletiu no aumento do preço. O abacaxi teve aumento de 48,80% em seu preço, na relação de janeiro de 2018 e 2019, e a laranja teve aumento de 16,50%. A melancia e o coco verde tiveram diminuição em seus preços, registrando -8,92% e -2,56%, respectivamente.

“O aumento da temperatura acelera a maturação das frutas e, por conta disso, o aumento da demanda é maior, os consumidores buscam alimentos frescos e refrescantes nessa época do ano”, explica Ricardo Munhoz, engenheiro agrônomo da Ceasa Campinas.

Durante o verão é importante priorizar alimentos ricos em água, como frutas, verduras e legumes, que além de contribuir para a hidratação contêm nutrientes que ajudam a proteger a pele dos danos causados por raios solares. Frutas como abacaxi, ameixa, laranja, mamão, melancia, melão e pera, por exemplo, estão na lista das frutas mais refrescantes, pois possuem mais de 70% de água em sua composição. Outra dica importante é aumentar o consumo de água de coco, pois a sua composição química é muito próxima da composição dos líquidos corporais, mantendo também uma boa hidratação das células nos dias mais quentes.

“Os sucos de frutas, fontes de potássio, magnésio e vitamina B6, também são uma boa estratégia e ajudam na recuperação dos sais mineiras perdidos no suor. Exemplos são os sucos de: salsa, acelga, couve, cenoura, aipo, melancia, pepino, uva, alface e melão”, comentou Camila Porto, nutricionista do Departamento de Alimentação Escolar da Ceasa Campinas.

 

Fonte: Ceasa Campinas

Comentários