Portal SB24Horas

Conteúdo é aqui!

Prefeitura diz que equipamentos para tratamento de doenças respiratórias atendem à demanda


Em resposta ao requerimento formulado pelo vereador José Antonio Ferreira, o Dr. José (PSDB), sobre a cessão de equipamentos para tratamento de distúrbios respiratórios de pacientes do SUS cadastrados no Serviço de Atendimento Domiciliar (SAD), o secretário de Governo, Rodrigo Maiello, informou que, atualmente, a Prefeitura disponibiliza 40 CPAP, 10 BIPAP, 80 concentradores de oxigênio e 5 concentradores portáteis.

Segundo a Administração, são atendidos 31 pacientes com CPAP, 5 com BIPAP, 43 com concentradores de oxigênio e dois pacientes com concentradores portáteis, sendo o número de pacientes relativamente menor ao número de equipamentos disponíveis conforme contrato assinado com os fornecedores, o que atendem a demanda do município.

Esses equipamentos são utilizados no tratamento de doenças respiratórias, facilitando o dia a dia dos pacientes.

A Secretaria Municipal de Saúde informou que os contratos com as empresas fornecedoras desses equipamentos terminam em agosto e dezembro deste ano, e se for observada a necessidade de aumento no número destes equipamentos, ocorrerá no pregão ou aditamento nos meses de vencimento dos contratos.

Pelo serviço de oxigenoterapia domiciliar a Prefeitura gasta, mensalmente, R$ 8.005,00, sendo R$ 1.400,00 (BIPAP), R$ 2.070,00 (CPAP) e R$ 4.535,00 (Concentradores), conforme notas fiscais emitidas pelas empresas no último mês, valor que pode variar em função do número de pacientes atendidos mês a mês.

Comentários

Dennis Moraes