Prefeitura deve expedir cerca de 60 mil carnês de IPTU

Imposto não terá aumento real em 2014

 

A Prefeitura de Santa Bárbara d’Oeste, por meio da Secretaria de Fazenda, informa que cerca de 60 mil carnês do IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano) de 2014 devem ser expedidos a partir do início de fevereiro. Neste ano o imposto não terá aumento real, sofrendo apenas o repasse de 5,58% em seu valor – índice corresponde a inflação dos últimos 12 meses medida pelo INPC (Índice Nacional de Preços ao Consumidor).

 

Os contribuintes podem efetuar o pagamento em parcela única, com desconto de 10% até o dia 20 de março ou de maneira parcelada, sem desconto, em 10 parcelas com vencimentos no dia 20 de março a dezembro. O contribuinte que efetuar o pagamento do imposto com atraso estará sujeito, nos termos do artigo 34 do Código Tributário Municipal, ao pagamento de atualização monetária do débito pelo INPC ou qualquer índice que venha a substituí-lo, além de multa e juros de mora sobre o valor do débito corrigido monetariamente.

 

De acordo com a secretária de Fazenda de Santa Bárbara d’Oeste, Raquel Campagnol, o setor finaliza ainda alguns dados para definir o número exato de carnês e valores a serem lançados. “Ainda trabalhamos com previsões. Neste ano, por exemplo, esperamos arrecadar cerca de R$ 25 milhões com o IPTU. É de fundamental importância o pagamento do imposto por parte dos cidadãos. O valor arrecadado pelo município refletirá em melhorias para a população”, afirmou.

 

Assessoria de Imprensa

Comentários

Notícias relacionadas