fbpx

Portal SB24Horas

Conteúdo é aqui!

Prefeito Bill segue Governo do Estado e decreta quarentena em Nova Odessa por 15 dias

Prefeitura de Nova Odessa

Nova Odessa está em quarentena a partir desta terça-feira (24) para conter o avanço do novo coronavírus (Covid-19). O decreto número 4.181/2020, assinado pelo prefeito Benjamim Bill Vieira de Souza, acompanha decisão anunciada sábado (21) pelo Governo do Estado e será publicado no Diário Oficial do Município. A medida determina o fechamento de todo comércio de produtos e serviços não essenciais no município até 7 de abril e mantém apenas aqueles classificados como essenciais.

Os detalhes sobre o novo decreto municipal foram apresentados na tarde desta segunda-feira (23) pelo secretário de Assuntos Jurídicos, Alesandre Pimentel, durante transmissão ao vivo feita pelo Facebook. O advogado esclareceu os principais pontos da determinação e respondeu a perguntas de internautas, que acompanharam ‘lives’ nas páginas oficiais da Prefeitura de Nova Odessa e do prefeito Bill.

 

O decreto substitui os anteriores (4.175 e 4.177), publicados na semana passada com um conjunto de medidas restritivas em espaços públicos e privados para diminuir aglomerações e evitar a proliferação do novo coronavírus e a infecção da população novaodessense, sobretudo as pessoas acima de 60 anos, mais suscetíveis à doença.

O município descartou uma suspeita e agora contabiliza quatro casos em investigação, um registrado na quinta (19), dois no domingo (22) e um na tarde desta segunda. Segundo informações da pasta, os três pacientes estão em isolamento e recebem acompanhamento diário de profissionais da rede municipal de saúde.

Exemplos de estabelecimentos que podem continuar funcionando na quarentena:

 

> Na saúde

 

– Hospitais;

– Consultórios médicos;

– Clínicas;

– Clínicas odontológicas;

– Farmácias;

> Alimentação*

 

– Supermercados;

– Hipermercados;

– Padarias;

– Açougues;
– Casas de ração animal

 

 

(*) Não poderão permitir o consumo de alimentos no estabelecimento

 

> Segurança

 

– Todo sistema de segurança pública ou privada.

 

> Limpeza

 

– Empresas de limpeza, manutenção e zeladoria (pública ou privada);

 

> Bancos

 

– Serviços bancários, incluindo lotéricas, seguem funcionando normalmente.

 

> Abastecimento

 

– Transportadoras;

– Armazéns;

– Postos de gasolina

– Oficinas de automóveis e motocicleta
– Borracharias;

– Serviços de transporte público (ônibus, trem, metrô, taxi, aplicativos de transporte);

– Call Centers;

– Pet shops;

– Bancas de jornal.

 

Terão de fechar as portas:

 

– Bares;
– Pizzarias;

– Restaurantes;

– Cafés;

– Casas noturnas;

– Shopping centers e galerias;

– Academias e centros de ginástica;

– Espaços para festas, casamentos, shows e eventos;

– Escolas públicas ou privadas.

O decreto estabelece que serviços de alimentação preparada, como bares, cafés e restaurantes, deverão ser suspensos e concentrar a atuação no sistema de delivery (entrega em domicílio). Já bares, cafés, restaurantes e similares podem atender em sistema de delivery e/ou ‘drive thru’ (quando o cliente retira o pedido e leva para casa).

A relação completa dos estabelecimentos que podem e não podem continuar funcionando durante a quarentena pode ser conferida no decreto municipal, que será publicado no Diário Oficial do Município na manhã desta terça (www.novaodessa.sp.gov.br).

Comentários