RMC

PM e comerciantes de Americana se reúnem para tratar da segurança no calçadão

Lojistas relataram série de furtos ocorridos nas últimas semanas durante as madrugadas

 

Comerciantes da Distrital Centro da ACIA (Associação Comercial e Industrial de Americana) se reuniram na tarde de ontem (23), na sede da entidade, com o Major da Polícia Militar, Rogério Nascimento Takiuchi, para tratar da segurança da área central, em especial do calçadão, após o horário comercial. A reunião extraordinária ocorreu por conta da série de furtos ocorridos nas últimas semanas durante as madrugadas.

A Polícia Militar, de acordo com Takiuchi, vai estabelecer um novo cronograma para patrulhar a área central durante a madrugada, quando ocorreram a maioria dos furtos registrados pelos lojistas. O reforço no patrulhamento deve começar nesta terça-feira (24). As invasões ocorrem quase sempre da mesma maneira, por janelas ou telhado.

“A maioria entra pela janela ou acessa o telhado e o forro das lojas. Somente nos últimos dias foram quatro ocorrências do tipo. Por isso, o papel da ACIA em reunir comerciantes e autoridade de segurança para chegarmos juntos a uma solução”, destacou o diretor coordenador da Distrital Centro da entidade, João Sacilotto.

Além do reforço no policiamento, a PM orientou os lojistas a verificar como estão as medidas primeiras de segurança do estabelecimento, como janelas e portas faltando vidros, grades ou fechaduras quebradas ou com algum dano que facilita o acesso ao interior da loja. “Existem algumas medidas simples que podem dificultar a ação do criminoso. Vamos estabelecer um data para percorrermos o comércio, avaliar as medidas de segurança que os estabelecimentos usam e com nossa experiência orientar o que pode ser feito para resguardar ainda mais o lojista”, relatou Takiuchi.

Importância do BO

Mesmo em pequenos furtos, é essencial o registro do Boletim de Ocorrência, pois somente através dele é possível ter estatísticas reais dos casos na cidade, se são isolados ou não, se acontecem sempre da mesma forma. “O boletim é um documento importantíssimo para nós e para a vítima. Se acontece uma série de assaltos e ninguém registra a ocorrência, torna-se um fato que não pode ser averiguado pela Polícia, não saberemos se é o mesmo elemento cometendo o crime”, comentou o Major da PM.

Videomonitoramento

De acordo com o presidente da entidade, Dimas Zulian, uma série de ações devem acontecer para conter a criminalidade no comércio. “Somente o aumento do patrulhamento não é suficiente. O Major esteve presente nessa reunião e deu uma série de dicas para que os lojistas façam a segurança primária dos seus estabelecimentos. Além disso, vamos estudar com os comerciantes e com o poder público a possibilidade de instalar uma câmera de monitoramento 360º. Já tivemos esse tipo de tecnologia no passado e foi muito importante para o comércio”, relatou.

A entidade também vai pedir ao poder público esclarecimentos quanto ao prazo previsto para a implantação do sistema de videomonitoramento. Dependendo o tipo de câmera instalada para o monitoramento 360°, é possível dar zoom de até dois quilômetros para identificar com exatidão a ação dos criminosos.

Comentários
Redação
Criado e desenvolvido por Dennis Moraes, o site SB24horas surgiu em 08 de janeiro de 2013. Após um tempo na cobertura de eventos, criou o portal com o objetivo de levar a informação regional ao mundo, através da web. Atualmente o portal ultrapassou a marca de 350 mil visualizações mensais. Nossa Visão Ser reconhecida pelo maior número de pessoas e se tornar referência entre os meios de comunicação da Região Metropolitana de Campinas, com o pioneirismo da TVWeb. Nossos Valores Compromisso com a verdade; Apuração dos fatos; Compromisso com a qualidade; Transparência, integridade e idoneidade; Comportamento ético; Responsabilidade com o público;
https://sb24horas.com.br