Observatório de Campinas abre as portas domingo para interessados no eclipse solar


No próximo domingo, 26 de fevereiro, um eclipse solar parcial chamará a atenção e poderá ser visto na maior parte da América do Sul, incluindo o Brasil. Em Campinas, o Observatório Municipal Jean Nicolini (OMJN) abrirá suas portas às 9h30, com bilheteria aberta até as 11h30, para receber o público interessado no espetáculo celeste.

Segundo o astrônomo Júlio Lobo, do OMJN, o visitante poderá observar o fenômeno a partir das 10h03. “O auge será às 11h29, com encerramento às 12h58”, detalha. A duração total será de 2h55. A observação será feita através de filtros especiais.
Este espetáculo astronômico acontece  quando a Lua está mais distante da Terra. Nesse caso, ela não consegue bloquear todo o disco solar, e a borda do Sol fica exposta. Já no eclipse solar total, a Lua está mais próxima da Terra, e com isso ela é capaz de bloquear todo o disco solar. Em Campinas, o último eclipse solar parcial foi em 11 de setembro de 2007. O próximo, na cidade, está previsto para 14 de dezembro de 2020.
Cuidados especiais
Para quem não estiver no Observatório, e quiser aproveitar o espetáculo celeste, Lobo recomenda cuidados especiais, evitando o uso de óculos de sol, radiografias, negativos fotográficos, água na bacia – elementos que podem causar danos aos olhos. “Indicamos a lente para máscara de soldador filtro nº 14, que pode ser adquirida em lojas de serragem.”
Se o tempo estiver chuvoso ou nublado, não haverá observação. Em razão do Carnaval, o Observatório não abrirá no período noturno, retornando suas atividades no domingo, 5 de março.
Serviço
Observação da Eclipse Solar Parcial
Onde: Observatório Municipal de Campinas Jean Nicolini (Estrada do Capricórnio, s/n, Campinas. SP).
Quando: domingo (26 de fevereiro).
Bilheteria aberta das 9h30 às 11h30.
Encerramento do evento: 13h.
Ingresso: R$ 4,00 (inteira) e R$ 2,00 (meia).
Comentários

Notícias relacionadas