SB24Horas

Notícias na hora certa!

O que esperar do turismo daqui pra frente?

Por Fabio Pontes

 

Diversos contornos já demonstram que 2022 seguirá promissor para o turismo. Se neste primeiro trimestre Brotas já tem resultados que confirmam esta expectativa a partir da ocupação da rede hoteleira e das agências de turismo, a resposta da população nas sondagens realizadas Brasil afora trazem um panorama de excelentes expectativas para os destinos nacionais.

 

Em 2022, o brasileiro deve viajar mais, mas a preferência será pelo deslocamento terrestre. A pesquisa “Pulso Expectativa 2022” revela que 43% da população pretende fazer alguma viagem neste ano, enquanto 71% deste público afirma que seu meio de transporte será o carro.

 

Sobre a proposta da viagem, outros recortes apontam que o ano é das estâncias turísticas: 31% planejam se hospedar em hotéis fazendas; 32% buscam paisagens rurais; e 26% manifestaram o desejo de fazer trilhas na natureza.

 

Chancelados pela pesquisa “Tendências do Turismo em 2022”, os números são reforçados pelo documento lançado pelo Ministério do Turismo em fevereiro. A publicação aponta a “redescoberta do turismo doméstico” e a preferência do turista por destinos próximos de sua cidade. As trilhas e a pedalada também aparecem entre os destaques nas experiências de viagens.

 

É neste contexto que Brotas investe em outro nicho a partir deste ano: o turismo de esportes. Trilhas, maratonas e circuitos de bike são oferecidos em eventos esportivos, com adesão maciça de públicos de cidades como Campinas, São Paulo, São Carlos, Bauru, entre outras localidades. As agências de turismo também já criaram novos passeios e programações para os ciclistas de fim de semana, com pedaladas monitoradas por profissionais que levam a belas paisagens e cachoeiras de Brotas.

 

Logo no primeiro mês do ano, o período de agenda intensa de eventos esportivos em Brotas refletiu positivamente para a economia. O turismo, impulsionado por este fator e também pela prática do rafting, apresentou uma alta de 31% na movimentação em relação ao mesmo período do ano passado. A população ganha ainda com a destinação de recursos na infraestrutura do município, que só no primeiro mês do ano injetou nos cofres públicos R$ 266,8 mil com o ISS Turístico.

 

Atenta às perspectivas e sempre alinhados para oferecer a melhor experiência ao visitante, Brotas segue com a gestão participativa do trade e confiante de que o turismo nacional continuará na rota de crescimento e valorização.

 

Fabio Pontes é secretário de Turismo de Brotas