fbpx

Portal SB24Horas

Conteúdo é aqui!

Nova Odessa

Nova Odessa registra dois novos casos de Covid-19 em um dia e total chega a 15

Pela primeira vez desde o início da pandemia, Nova Odessa registrou dois casos de Covid-19 em um único dia. A contaminação de duas mulheres – de 73 e 41 anos – foi confirmada nesta segunda-feira (11) pela Secretaria de Saúde. Agora, o município contabiliza 15 casos positivos da doença, entre eles duas mortes.

A infecção de uma idosa de 73 anos pelo novo coronavírus foi confirmada por meio de teste rápido realizado na Unidade Respiratória do município, onde a paciente está internada. De acordo com a Secretaria de Saúde, ela mora no Jardim Bela Vista.

Já a mulher de 41 anos reside no Jardim Santa Rita, é profissional da saúde e trabalha em Sumaré. A confirmação de Covid-19 foi feita pelo Instituto Adolfo Lutz. A paciente, segundo a secretaria, cumpre medida de isolamento domiciliar e está sendo monitorada por profissionais da Vigilância Epidemiológica do município.

“Nesse momento, pedimos a compreensão e o apoio da população em relação ao isolamento e o distanciamento social, o uso de máscara e a higienização pessoal. Só assim vamos combater o coronavírus”, afirmou o secretário de Saúde, Vanderlei Cocato, durante “live” realizada na página oficial da Prefeitura de Nova Odessa.

Além dos dois novos casos positivos, Nova Odessa recebeu o resultado de um exame negativo. Agora são 18 negativados, nove em investigação e dez pacientes curados. Cinquenta e três pacientes com gripe estão sendo acompanhados pela secretaria.

CASA DE REPOUSO. Nesta terça-feira, profissionais da Secretaria de Saúde aplicarão testes nas seis mulheres que residem no asilo onde um homem de 76 anos morreu em consequência de Covid-19. Os quatro profissionais que trabalham na casa também serão avaliados. A morte ocorreu na segunda-feira passada (4) e a contaminação foi feita na sexta (8) pelo Adolfo Lutz. O estado de saúde de funcionárias e moradoras do estabelecimento está sendo acompanhado pela Vigilância Epidemiológica desde de a morte do paciente.

 

A MORTE. O idoso morreu no início da noite, na Unidade Respiratória que funciona no Jardim Alvorada desde 23 de abril. Segundo a secretaria, ele chegou com quadro respiratório grave, precisou ser entubado e sofreu uma parada cardiorrespiratória em seguida. Ele tinha histórico de obesidade. Na casa de repouso, ele vivia em um cômodo isolado. Em outra parte do estabelecimento, moram as outras seis assistidas.

 

FISCALIZAÇÃO. Para garantir a segurança de moradores e funcionários, a Vigilância Sanitária iniciou na sexta (8) a fiscalização dos outros cinco asilos registrados na cidade. A ação é uma resposta à segunda morte por Covid-19 no município e visa reforçar junto aos gestores a importância do cumprimento de medidas de distanciamento, higiene e limpeza, conforme recomendação feita aos responsáveis pelas casas, em reunião realizada em março. A partir desse encontro, os seis asilos passaram a ser acompanhados por equipes volantes do Setor de Atenção Básica da Secretaria de Saúde.

Comentários